Covid-19 | Lar da Santa Casa em Gavião com mais oito funcionários infetados

Foram hoje confirmadas oito novas infeções por SARS-CoV-2 em funcionários do Lar da Santa Casa da Misericórdia de Gavião, e que se vêm juntar a mais duas funcionárias positivas detetadas esta semana. Os 10 profissionais estão já em isolamento domiciliário e aguardam-se ainda os resultados do total dos 250 testes realizados na terça e quarta-feira.

PUB

Na segunda-feira foram confirmados dois casos positivos em dois funcionários do Lar da Santa Casa e foi decidido realizar testes a todos os utentes e funcionários, num total de 250 testes, 135 dos quais a utentes e 115 a funcionários e cujos resultados finais deverão ser conhecidos entre hoje e amanhã [sexta-feira].

Ao dia de hoje [quinta-feira] são 16 os casos ativos de covid-19 no concelho de Gavião. e um total de 30 casos confirmados no concelho desde o início da pandemia, sendo que 14 pessoas já recuperaram da doença. Não há óbitos a registar no concelho devido ao novo coronavírus.

PUB

Gavião ainda permanece fora da lista dos 191 concelhos considerados de alto risco na propagação do vírus mas José Pio, presidente da Câmara Municioal, diz que “se for necessário cá estaremos para assumir todas as consequências que isso possa acartar”. No entanto, assegura que Gavião “tem sido um concelho exemplar”, agradecendo a todos os munícipes o cumprimento escrupuloso das regras emanadas da Direção Geral da Saúde.

José Pio manifesta-se “plenamente de acordo” com as medidas impostas pelo Governo e transmitidas pelo primeiro-ministro António Costa. “São regras duras mas indispensáveis para que a pandemia desapareça rapidamente. E rapidamente também possamos pensar no Natal em família que é aquilo que não tivemos na Páscoa”, concluiu.

*Com Paula Mourato

PUB
PUB
Mário Rui Fonseca
A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.
PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).