Covid-19 | Funcionários de serviço em creche na Sertã com testes negativos (C/AUDIO)

Creche e Jardim de Infância "O Pinheirinho" na Sertã reabriu esta quarta-feira, depois de todos os testes à covid-19 darem negativo. Foto: DR

Os funcionários que estiveram de serviço na creche “O Pinheiro”, na Sertã, submetidos a testes à covid-19 após uma criança de três anos ter acusado positivo, deram todos negativo, disse hoje o provedor da Santa Casa da Misericórdia da Sertã. Dos 37 testes, no entanto, houve um positivo relativo numa funcionária da instituição mas que tem estado de férias e não estava ao serviço daquela IPSS quando foi confirmado o caso positivo na menina. Trinta crianças vão fazer testes no dia 11 de agosto e a creche poderá reabrir no dia seguinte.

PUB

“Os 37 funcionários estão todos em quarentena e os resultados dos testes foram todos negativos, à exceção de uma educadora que também foi fazer o teste mas que não está relacionada com este caso uma vez que tem estado de férias”, disse Tavares Fernandes, o provedor da instituição particular de solidariedade social da Sertã.

De acordo com o provedor, a criança de três anos que testou positivo à covid-19 encontra-se assintomática, assim como os pais, residentes na Sertã, e que também estão infetados, numa situação que levou ao encerramento das três valências da instituição no dia 29 de julho.

PUB

Segundo Tavares Fernandes, além da creche, a ordem de encerramento abrange o jardim de infância e o CATL-Centro de Atividades de Tempos Livres, que acolhem um total de “cerca de 130 crianças”, adiantou o provedor, referindo que trabalham nestas três valências 37 colaboradores da Santa Casa da Misericórdia da Sertã.

Após o resultado do teste da criança, a delegada de saúde regional determinou o encerramento da creche, jardim de infância e CATL “O Pinheiro”, informou Tavares Fernandes, dando conta que desde então, e durante 14 dias, todos os funcionários e as 130 crianças ficam em casa, em quarentena.

PUB

“Não temos ninguém com sintomas”, avançou Tavares Fernandes, referindo que as crianças com contactos mais próximos da infetada são cerca de 30, repartidas por duas salas, mas que fazem o dormitório em conjunto.

“As 30 crianças vão fazer testes no dia 11 de agosto e se tudo correr bem, como esperamos, a creche reabrirá no dia seguinte, dia 12”, avançou, tendo feito notar que os resultados negativos aos colaboradores que estavam ao serviço da instituição “foi muito bom” e veio serenar as preocupações de dirigentes, comunidade e entidades públicas de saúde.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here