- Publicidade -

Covid-19 | “Este não é o tempo para relaxamentos”, alerta autarca da Sertã

Embora a situação de pandemia no concelho da Sertã registe melhorias, “este não é o tempo para relaxamentos, pelo que toda a população deve continuar vigilante e apostar na prevenção, adotando o mote: Não facilite com o vírus, seja rigoroso com a pandemia”, apela o presidente da Câmara, que é simultaneamente presidente da Comissão Municipal de Proteção Civil.

- Publicidade -

Esta comissão esteve reunida no dia 3 de março, onde se destacaram os resultados positivos registados ao longo das últimas semanas, no combate à pandemia da Covid-19, conforme revela a descida significativa do número de infetados. No dia 5 de março, o concelho tinha quatro casos ativos e um nível de risco de contágio menos acentuado.

Na reunião foi também efetuado um balanço da campanha de vacinação contra a Covid-19 no concelho da Sertã, sendo anunciado que, a partir de agora, as pessoas serão convocadas para a inoculação da vacina por contacto telefónico e não por SMS, como aconteceu até aqui.

- Publicidade -

Além disso, o Município da Sertã garante que assegurará o meio de transporte necessário aos cidadãos com mobilidade reduzida ou que estiverem acamados. Este transporte será realizado pelos bombeiros voluntários ou através de outros meios devidamente sinalizados e disponibilizados pelo Município.

Em comunicado, a Comissão Municipal de Proteção Civil aproveita para informar que é fundamental continuar a respeitar as medidas decretadas pelas autoridades para conter a pandemia.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).