Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Setembro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Covid-19 | Casos positivos aumentam 51% no Médio Tejo em apenas 15 dias

Nas duas primeiras semanas do novo confinamento, o número de casos positivos disparou na região do Médio Tejo. Só entre 15 e 30 de janeiro registaram-se 4.113 infeções pelo SARS CoV-2, um aumento de 51% em relação aos dados acumulados ao longo dos 9 meses anteriores.

- Publicidade -

- Publicidade -

O número de mortes também aumentou 59% no mesmo período: registaram-se já 233 óbitos por covid-19, desde março de 2020. Foi em Ourém que morreram mais pessoas (49), seguindo-se Abrantes (46), Torres Novas (36), Tomar (28) e Alcanena (23).

Segundo a avaliação de risco feita diariamente pelo mediotejo.net (a avaliação da DGS é anunciada de 15 em 15 dias), o concelho que apresenta neste momento o maior risco de contágio é Ferreira do Zêzere, logo seguido de Vila de Rei, Tomar e Alcanena – todos com valores acima dos dois mil casos por cada 100 mil habitantes.

- Publicidade -

Nos 13 concelhos do Médio Tejo só a Sertã está num nível de risco muito baixo, e só Constância e Vila Nova da Barquinha escapam depois à classificação de “risco extremamente elevado” de transmissão de covid-19, o nível máximo de risco, atribuído às zonas com mais de 960 casos por cada 100 mil habitantes.

A nível nacional, entraram este domingo em vigor novas medidas para os próximos 15 dias de “situação de emergência”, com o fecho de fronteiras terrestres e marítimas, e a suspensão das ligações ferroviárias com Espanha, excepto no transporte de mercadorias. Foi decretada igualmente a proibição de viagens aéreas sem justificação urgente e enquadrada nas excepções previstas pelo governo (para casos relacionados com trabalho, regresso a casa, transporte de correio e de mercadorias e fins humanitários e de emergência). Nas ligações aéreas, os passageiros que cheguem a Portugal de países da União Europeia com mais de 150 casos de covid-19 por 100.000 habitantes terão de apresentar um teste, ficando em quarentena se os casos ultrapassarem os 500 por 100.000 habitantes.

As novas regras deste 10º período de estado de emergência, que vigora até 14 de fevereiro, contemplam ainda o regresso do ensino à distância, a partir de 08 de fevereiro. As creches vão continuar encerradas. O governo mantém em vigor as medidas de apoio aos pais que tenham de faltar ao trabalho para acompanhar os filhos em casa – exceção feita, uma vez mais, aqueles que estão em teletrabalho, e que terão de encontrar formas de conciliar o tempo para o trabalho e família, no mesmo horário e em confinamento.

Sou diretora do jornal mediotejo.net e da revista Ponto, e diretora editorial da Médio Tejo Edições / Origami Livros. Sou jornalista profissional desde 1995 e tenho a felicidade de ter corrido mundo a fazer o que mais gosto, testemunhando momentos cruciais da história mundial. Fui grande-repórter da revista Visão e algumas da reportagens que escrevi foram premiadas a nível nacional e internacional. Mas a maior recompensa desta profissão será sempre a promessa contida em cada texto: a possibilidade de questionar, inquietar, surpreender, emocionar e, quem sabe, fazer a diferença. Cresci no Tramagal, terra onde aprendi as primeiras letras e os valores da fraternidade e da liberdade. Mantenho-me apaixonada pelo processo de descoberta, investigação e escrita de uma boa história. Gosto de plantar árvores e flores, sou mãe a dobrar e escrevi quatro livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome