PUB

Covid-19 | Câmara de Mação criou espaços de acolhimento para casos de emergência

A Câmara Municipal de Mação, no âmbito do Plano de Operações Municipais para a COVID-19, e para precaver eventuais necessidades, tem vindo a preparar vários locais de acolhimento de segunda linha. Estão já operacionais três locais, na Carregueira, Carvoeiro e na Zona Industrial de Mação, sendo que um dos espaços servirá o isolamento de pessoal da corporação de bombeiros em caso de necessidade e dois para acolhimento de munícipes, nomeadamente utentes de lares em caso de evacuação.

PUB

Segundo informação da autarquia, os espaços estão “equipados com camas e outras comodidades de estadia”, sendo que na Carregueira foi preparada a Residência Artística “para a eventualidade de ter que se isolar pessoal dos Bombeiros”.

“Os outros 2 espaços são para acolhimento de munícipes, incluindo lares, se necessário. Em Carvoeiro, nas instalações do antigo Centro de Dia está preparado um espaço com 12 camas e, em Mação, um outro espaço com 30 camas, no Centro de Formação, na Zona Industrial. Tratam-se de espaços relativamente isolados, com condições para permanência, wc, banho, cozinha e espaço de refeições”, pode ler-se.

PUB

Foto: CM Mação

O presidente da Câmara de Mação, Vasco Estrela, sublinha na nota enviada à imprensa que esta é uma medida tomada como precaução, caso se venha a verificar a necessidade de resposta a situação de emergência.

PUB

“Temos que estar devidamente preparados para dar resposta a necessidades de evacuação de lares, por exemplo, o que não creio que aconteça pelas medidas e trabalho de excelência que está a ser feito nas IPSS, mas algo pode falhar e temos que conseguir garantir a saúde e o bem-estar da população, nomeadamente os grupos de risco”, afirma.

Por outro lado, a autarquia refere que a Comissão Municipal de Proteção Civil “reúne semanalmente e está a preparar soluções para eventuais necessidades em várias áreas da sua atuação, no âmbito do Plano de Operações preparado para esta situação”.

PUB
PUB
Joana Rita Santos
Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.
PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).