Constância | Tertúlia de Poesia evoca Vasco de Lima Couto na Casa-Memória de Camões

A Casa-Memória de Camões, em Constância, avança para mais uma edição da Tertúlia de Poesia, desta feita para evocar o poeta Vasco de Lima Couto. Outro grande admirador da Vila Poema, com a qual manteve uma relação especial, o poeta vai ser lembrado a 19 de fevereiro, a partir das 21h00.

Nesta iniciativa estará presente José Ramoa Ferreira, que dedicou um palacete do séc. XVIII no centro histórico a Lima Couto – atual Casa-Museu em seu nome -, um ano depois da sua morte.

O “Zé Brasileiro” e o “português de Braga” do poema de Lima Couto fará parte desta sessão que é de entrada livre, e convida todos os interessados a participar para saber mais sobre a vida e obra do poeta, em mais um serão aprazível na sede da Associação Casa-Memória de Camões.

PUB
Joana Rita Santos
Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).