Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Outubro 18, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Constância | Taça de Portugal em paraquedismo deu mais cor à Vila Poema (c/fotogaleria e vídeo)

A vila de Constância recebe este fim de semana, dias 11 e 12 de agosto, a 19ª Taça de Portugal de Paraquedismo e 1º Torneio de Constância, iniciativa da Federação Portuguesa de Paraquedismo e do Município local.

- Publicidade -

Participam na prova 35 atletas, por equipas ou individualmente, repartidos por sete equipas, tendo cada um de fazer no mínimo cinco saltos. Para tal, os atletas são transportados num avião Cessna 206F do Pára Clube “Os Boinas Verdes” que descola da antiga Base Aérea 3 em Tancos e, após saltarem da aeronave a cerca de 800 metros, têm de aterrar num local pré-definido – trata-se de uma prova de Precisão de Aterragem – no areal do rio Tejo, junto à Caima.

Embarque no Aeródromo de Tancos.

- Publicidade -

Após cada salto, os atletas são transportados de autocarro de regresso ao aeródromo, onde embarcam para novo salto. Circuito que se repete pelo menos cinco vezes.

11 Agosto 2018 (Constância)

Publicado por Carlos Rosa em Domingo, 12 de Agosto de 2018

As provas iniciaram-se cerca das 09:00 deste sábado, após a cerimónia de abertura onde Sérgio Oliveira, presidente da edilidade constanciense, deu as boas vindas à comitiva, e terminam à hora de almoço de domingo.

Sérgio Oliveira, presidente da Câmara Municipal de Constância.

O presidente da Câmara de Constância, Sérgio Oliveira falou ao mediotejo.net sobre o evento:

Constância | 19° Taça de Portugal de Pára-Quedismo Precisão de Aterragem

Publicado por mediotejo.net em Sábado, 11 de Agosto de 2018

Nos dias 8 e 9 de setembro, a 6ª prova da Taça de Portugal em Precisão de Aterragem decorrerá em Vila Nova da Barquinha.

FOTOGALERIA:

*Com David Pereira (fotos e vídeo).

Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome