Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

Quinta-feira, Setembro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

Constância | Taça de Portugal de Paraquedismo e Festa Jovem marcam fim-de-semana agitado na vila

O próximo fim-de-semana vai promete ser animado por terras constancienses. Com a 4ª Prova da 20ª Taça de Portugal de Paraquedismo na modalidade de Precisão de Aterragem a acontecer durante os dias de sábado e domingo. A par deste evento, decorre no sábado, dia 3, a “Festa Jovem”, com diversas atividades culturais, recreativas e de lazer para entreter os mais novos.

- Publicidade -

A Junta de Freguesia, em parceria com o Município de Constância, a CAIMA e o Pára-Clube Nacional “Os Boinas Verdes”, promove a realização da 4ª Prova da 20ª Taça de Portugal de Pára-quedismo na modalidade de Precisão de Aterragem, com a colaboração da Federação Portuguesa de Pára-quedismo. Os saltos serão realizados para o areal do Tejo junto à CAIMA.

A prova conta com cerimónia de abertura às 08h45, esperando-se que os saltos sejam realizados continuamente ao longo de sábado e domingo, sempre que as condições meteorológicas o permitirem.

- Publicidade -

Ainda no sábado, dia 3, inicia a “Festa Jovem” a partir das 15h00, com diversas atividades desportivas, recreativas e culturais. O programa inclui pinturas faciais, insufláveis, jogos tradicionais, arborismo, aula de Zumba (19h30), animação com o Palhaço Pintarolas (21h30), atuação de Dreamers (22h30), revelação do Grupo “Constância Dança” (23h00) e a festa prolonga-se ao som do DJ Kid Kat, a partir das 23h30.

No dia 4, domingo, a partir das 9h00 recomeça a prova de Pára-quedismo até cerca das 13H00, seguindo-se para o Espaço Zêzere, junto ao Jardim-Horto de Camões, onde teremos a cerimónia de encerramento seguida de almoço de convívio e confraternização, no qual estamos a contar com a sua presença.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome