Constância | Serviço “Ecoponto à Porta” já chegou a Santa Margarida da Coutada

Projeto "Ecoponto à Porta", da Resitejo, alargado a todas as freguesias do concelho. Foto: DR

O projeto ‘Ecoponto à Porta’ chegou à freguesia de Santa Margarida da Coutada, cobrindo agora as três freguesias do concelho de Constância para incentivar a separação de embalagens usadas, permitindo a sua recolha na comodidade do lar. O projeto “Ecoponto à Porta” de recolha seletiva de embalagens usadas (vidro, papel/cartão e plástico/metal), é uma iniciativa da RESITEJO com o apoio da Câmara Municipal de Constância.

PUB

Recorde-se que a 3 de fevereiro começou a ser implementado na freguesia de Montalvo o projeto “Ecoponto à Porta”, depois de já decorrer na vila de Constância. A ideia é disponibilizar recipientes próprios, fornecidos pela empresa, que depois passa nas várias localidades e habitações aderentes em circuitos e horários agendados, fazendo a recolha dos resíduos separados.

Esta é uma iniciativa que agora se estende a todas as freguesias do concelho, onde os promotores devidamente identificados visitam todas as casas para apresentar o projeto e sensibilizar para a importância da separação das embalagens usadas.

PUB

O “Ecoponto à Porta” é um projeto de recolha seletiva de embalagens, cofinanciado por fundos comunitários, que tem como objetivo tornar mais cómoda e fácil a separação de resíduos, aumentar os quantitativos de resíduos enviados para valorização multimaterial, melhorar a higiene e limpeza dos arruamentos e dar continuidade à estratégia de recolha seletiva que desde sempre foi uma aposta da RESITEJO.

Para mais informações ou novas adesões ao projeto contactar pelo email porta-a-porta@resitejo.pt ou pelo telefone 249 749 010.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here