- Publicidade -

Constância requalifica zona ribeirinha e aposta em praia fluvial com Bandeira Azul (C/VIDEO)

A vila de Constância tem em fase de conclusão a primeira fase de requalificação da zona ribeirinha, entre os rios Tejo e Zêzere, numa visão que aponta ainda à criação de uma praia fluvial de Bandeira Azul, polvilhada por piscinas naturais e solários. A par desta revolução ribeirinha, sinalizada com a entrada em funcionamento de uma parte da nova iluminação led, a Câmara Municipal recebeu agora a notícia da aprovação das candidaturas a fundos comunitários para uma requalificação da Rua Moinho de Vento (rua da escola) e da Avenida das Forças Armadas (a rua principal do centro histórico), um investimento global na ordem dos 700 mil euros e que vai contar com uma taxa de comparticipação de 85%.

- Publicidade -

Em declarações ao mediotejo.net, o presidente da Câmara de Constância, Sérgio Oliveira (PS), destacou a continuidade na execução de investimentos com financiamento comunitário, nomeadamente a requalificação da zona ribeirinha da vila, um investimento na ordem dos 300 mil euros aprovado no âmbito do PARU-Regeneração Urbana, e cuja primeira fase está quase concluída. Tendo surgido a possibilidade de um reforço financeiro para esta empreitada, o orçamento aduziu para uma segunda fase, que deverá arrancar em abril, um valor na ordem dos 120 mil euros para a “substituição integral de todo o pavimento desta zona nobre da Vila”, notou, tendo ainda destacado o objetivo de concorrer à classificação e construção de uma praia fluvial na margem esquerda do rio Zêzere.

A primeira fase do projeto integra a “criação de zonas verdes, substituição da rede de rega, plantações, pavimentos diversos, revestimentos e capeamentos de muros e muretes, substituição da iluminação pública e decorativa, colocação de equipamentos de mobiliário urbano (bancos, mesas, papeleiras), e construção de rampas em estrutura metálica com vista a criar condições de acessibilidades a pessoas com mobilidade reduzida”, sendo que as intervenções estão a acontecer no designado POMTEZE (Plano de Ordenamento das Margens do Tejo e Zêzere).

- Publicidade -

A segunda fase de intervenção na zona ribeirinha tem que ver com a “substituição integral do pavimento de toda aquela zona”, elucida Sérgio Oliveira, afirmando que se espera que a mesma “tenha início nas próximas semanas”. Neste caso, o autarca explana que a autarquia prevê investir cerca de 120 mil euros, valor que “será suportado pelo Orçamento municipal mas com a perspetiva de podermos vir a ter também financiamento para isso”.

Constância requalifica zona ribeirinha e aposta em praia fluvial com Bandeira Azul. Foto: mediotejo.net

Segundo Sérgio Oliveira, “paralelamente” ao processo de requalificação da zona ribeirinha, a autarquia está a “trabalhar no desenvolvimento do projeto da praia fluvial no rio Zêzere, que vai ter piscina, zona de solário, entre outras valências e para o qual já existe estudo prévio”, tendo sublinhado que este “é um processo ainda moroso porque precisa ter aprovação de várias entidades externas”.

Nesse sentido, adiantou, “durante o verão de 2020 foram realizadas análises periódicas às águas do Rio Zêzere com vista à sua classificação como águas balneares” pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), sendo este “o primeiro passo a dar para a futura Praia Fluvial do Zêzere”. O processo de recolha de amostra e análises para a respetiva classificação vai ainda decorrer durante o ano 2021 e, “caso a resposta seja positiva, que acreditamos venha a ser, haverá então condições para avançar com o projeto de execução da praia”.

Constância aposta na criação de uma praia fluvial de Bandeira Azul, polvilhada por piscinas naturais e solários. Foto: mediotejo.net

O autarca deu ainda conta do “desenvolvimento do projeto para um novo espaço do Museu dos Rios e das Artes Marítimas, a construir junto às ruínas existentes ao lado do Jardim Horto de Camões, tendo vincado que “os três investimentos – Zona Ribeirinha, Praia Fluvial e novo Museu dos Rios e das Artes Marítimas – são estruturantes para o desenvolvimento do concelho a nível turístico e para a melhoria da qualidade de vida das populações”.

A Câmara Municipal de Constância recebeu a notícia da aprovação das candidaturas a fundos comunitários para uma profunda requalificação da Rua Moinho de Vento (rua da escola) e da Avenida das Forças Armadas (na foto). Foto: mediotejo.net

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -