- Publicidade -
Terça-feira, Dezembro 7, 2021
- Publicidade -

Constância | Presidente da Câmara faz balanço positivo das festas

Apesar de alguns “percalços”, a festa de Nª Srª da Boa Viagem e festas do Concelho de Constância, que decorreram de 20 a 22 de abril, registaram um “balanço positivo”, na perspetiva do Presidente da Câmara. Sérgio Oliveira destacou a enchente de sábado à noite com a atração do popular cantor Toy, em que há muitos anos que não se via tanta gente em Constância. D. Mariazinha, a autora das emblemáticas bonecas, considera que foi o dia com recorde de afluência, desde que a festa tem o atual figurino, há 29 anos.

- Publicidade -

O autarca realça a satisfação dos dirigentes das associações que exploraram as tasquinhas os quais, através das verbas angariadas durante a festa, tiveram uma “lufada de ar fresco” para desenvolverem outras atividades ao longo do ano. O mesmo aconteceu com os empresários do comércio tradicional e da restauração que se mostraram satisfeitos com a festa.

Para o presidente da Câmara “as festas, de uma maneira geral, correram bem” tendo-se alcançado o principal objetivo que é “promover o concelho”. Para tal, a presença da comunicação social, incluindo canais de televisão a nível nacional, foram consideradas importantes.

- Publicidade -

“Os objetivos essenciais da festa foram alcançados”, afirmou Sérgio Oliveira ao mediotejo.net. Realçou  e mais uma vez agradeceu o envolvimento de toda a comunidade desde o tecido empresarial aos comerciantes, passando pelas associações, paróquia e escolas. O agradecimento foi extensivo a todas as instituições que colaboraram na festa e a todos os trabalhadores do Município.

De lamentar a avaria na grua da engenharia militar que impediu a realização daquele que seria o maior desfile fluvial de sempre na segunda feira de Páscoa. Sem aquela máquina não se conseguiu colocar no rio alguns barcos transportados em camiões.

Tal como aconteceu o ano passado verificaram-se novamente alguns atos de vandalismo nas ornamentações das ruas, isto apesar de haver segurança contratada e militares da GNR nas ruas, conforme referiu o presidente da Câmara.

Apesar de tudo, “a festa correu bem. Enquanto comunidade estamos todos de parabéns, não é a câmara que está de parabéns é a comunidade como um todo”, destacou Sérgio Oliveira.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome