Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Setembro 22, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Constância | Nersant levou empresário a escola básica para mostrar como se empreende

Por iniciativa da NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém, o empresário João Paulo Morais, representante dos Cabeleireiros Contraste, esteve no dia 10 nas instalações da Escola Básica de Constância para mostrar a dinâmica empresarial aos alunos, no âmbito do projeto “EmpCriança – Empreender no Ensino Básico”.

- Publicidade -

Destinada aos alunos do 3.º ano, a visita do empresário permitiu aos alunos saber um pouco mais sobre o processo de criação do próprio negócio e a importância de adquirir novos conhecimentos e novas competências ao longo da vida profissional.

Explicou detalhadamente o serviço que presta, tendo levado um equipamento para avaliar a saúde do cabelo e couro cabeludo de cada aluno, sendo um momento de grande motivação e interesse dos alunos. Além de cabeleireiro, João Paulo Morais também é formador em várias escolas de cabeleireiros.

- Publicidade -

Na reunião entre alunos e empresário surgiram diversas questões sobre o nascimento da empresa, qual a sua tipologia, tipo de atividade e o tipo de serviços que presta, entre outras informações. Nas questões apresentadas pelos alunos foi visível a utilização, por parte dos alunos, de um vasto vocabulário, específico do meio empresarial, como publicidade, conceito de cliente, público-alvo, logótipo, flyers, marketing, micro, pequena e média empresa.

O projeto EmpCriança tem com principal objetivo “sensibilizar as crianças do 3.º e 4.º ano das Escolas Básicas do 1.º ciclo da região de Santarém para o empreendedorismo e atividade empresarial, com o intuito de estimular a capacidade de criação, observação e atuação dos alunos, preparando-os para o seu futuro”, explica a Nersant em nota de imprensa.

Pretende “desenvolver nas crianças competências e comportamentos de criatividade, autonomia, sentido de responsabilidade, organização e sentido cívico e envolver as crianças e a comunidade empresarial num processo de mútua aproximação”. E visa “associar o empreendedorismo e dinâmica empresarial a valores positivos bem como a um futuro profissional atrativo valorizando as diferentes áreas de saber, por meio de experiências práticas, envolvendo o que se passa à sua volta: família, empresas, instituições e localidades”.

No projeto EmpCriança estão a participar oito agrupamentos de escolas da região, num total de 278 alunos.

Para além do EmpCriança, a NERSANT tem em marcha ainda dois projetos com a mesma génese, para os alunos do 2.º e 3.º Ciclos (Empreender Jovem) e para os alunos do Secundário (EmpreEscola).

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome