- Publicidade -
Domingo, Dezembro 5, 2021
- Publicidade -

Constância | Município cria linha de apoio psicológico às famílias e pessoas isoladas

A Câmara Municipal de Constância, tendo consciência da ansiedade, fragilidade emocional e tensão/stress que a atual situação da pandemia de covid-19 proporciona, a par do consequente isolamento social, criou uma linha de apoio psicológico às famílias e pessoas isoladas residentes no concelho de Constância. Este apoio social está disponível através do número 969 026 044, nos dias úteis, das 10:00 às 20:00.

- Publicidade -

Sob o mote “Ligue! Não está sozinho”, a Câmara Municipal de Constância pretende assim “prestar auxílio nesta fase difícil que todos estamos a passar”.  Este apoio vem reforçar outros serviços e apoios já postos em prática no concelho, nomeadamente junto da população mais vulnerável.

Recorda a CM Constância, em nota enviada à imprensa, que “desde março que estão asseguradas as refeições escolares às crianças beneficiárias do escalão A, em regime de take-away, com lugares de recolhas nas três freguesias do concelho”, serviço que foi agora alargado também a alunos beneficiários do escalão B.

- Publicidade -

Em marcha está também o projeto “Não saia de casa, nós vamos por si!”, uma medida através da qual a Câmara Municipal se disponibiliza para ir ao supermercado fazer compras essenciais e/ou à farmácia, com o apoio do Banco Local de Voluntariado.

Já em colaboração com as Juntas de Freguesia está assegurado o levantamento das pensões/reformas para todos aqueles que precisam deste auxílio, sendo as mesmas entregues ao domicílio, evitando saídas à rua de pessoas inseridas no grupo de risco.

Refere ainda a CM Constância que a Sub-Comissão Municipal de Proteção Civil passou a reunir semanalmente, para assegurar a gestão das diversas situações relacionadas com a pandemia de covid-19 no concelho.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome