Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Maio 13, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Constância | Matias Coelho renova mandato na Associação Casa Memória de Camões

António Matias Coelho foi reeleito no sábado, dia 19 de janeiro, presidente da direção da Associação Casa Memória de Camões, de Constância, em mandato renovado para um período de três anos.

- Publicidade -

Em Assembleia Geral realizada na sede da Associação, foram eleitos, por unanimidade, os órgãos sociais da Associação Casa-Memória de Camões em Constância para o próximo triénio sendo que, ao nível da Direção, António Matias Coelho (presidente) conta com António Luís Fernandes Mendes no lugar de vice-presidente da instituição e com Maria Manuela de Oliveira Arsénio a assumir o cargo de tesoureira.

A Associação Casa Memória de Camões é uma Instituição de Utilidade Pública, fundada em 1977, que tem por objetivo principal consolidar a ancestral relação de Constância com a memória de Camões.

- Publicidade -

A Associação gere o monumento a Camões, da autoria do escultor Lagoa Henriques, o Jardim-Horto Camoniano, desenhado pelo arquiteto Gonçalo Ribeiro Teles, e a Casa-Memória de Camões, projeto da Faculdade de Arquitetura de Lisboa, construída sobre as ruínas consolidadas da casa que a tradição popular aponta como tendo sido a que acolheu o poeta no tempo em que viveu em Punhete (Constância), sendo um imóvel de Interesse Público.

A Mesa da Assembleia Geral é presidida pela Câmara Municipal de Constância, representada pelo presidente da autarquia, Sérgio Oliveira. Foto: CMC

A Mesa da Assembleia Geral é agora presidida pela Câmara Municipal de Constância, representada pelo presidente da autarquia, Sérgio Miguel Santos Pereira de Oliveira, tendo Ana Paula Carvalho Mota Tracana como 1.ª secretária e Ana Maria Romãozinho Dias como 2.ª secretária.

José Maria Horta Silvares Alves da Luz preside ao Conselho Fiscal e conta com Rui Miguel Albino Duarte e Maria Teresa Viegas Pereira Ruivo Flor como vogais.

José Maria Horta Silvares Alves da Luz preside ao Conselho Fiscal da Associação Casa Memória de Camões. Foto: CMC

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

COMENTÁRIOS

Please enter your comment!
O seu nome