Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Julho 28, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Constância | Livros, contos e encontros na 33ª Feira do Livro em Malpique

A sede da associação União Jazz Malpiquense, em Malpique, freguesia de Santa Margarida da Coutada, acolhe a 33ª edição da Feira do Livro de Constância a partir desta terça-feira, dia 19, e até domingo, dia 24 de novembro. Este é um evento que pretende reunir os amantes da leitura entre centenas de exemplares, promovendo Encontros com Escritores, Sessões de Contos, e ainda momentos musicais e apontamentos de teatro. Jorge Serafim, Anabela Cardoso, Daniel Completo, José Carlos Completo, Rui Miguel Tovar e Pedro Henriques são alguns dos nomes que compõem a lista de convidados desta edição.

- Publicidade -

A feira parte da máxima que “o livro faz a ligação com a vida e com o conhecimento”, e será assim um polo “onde o lazer, a cultura, o conhecimento e o convívio social estarão presentes, através de atividades diversificadas num único local, onde a comunidade poderá usufruir do convívio com autores e do acesso a projetos e experiências individuais e coletivas”, lê-se em informação da autarquia.

Este que é “um grandioso evento cultural” em terras de Constância inclui no seu programa diversas atividades e visitas para todos os níveis de ensino do Agrupamento de Escolas de Constância, e para o público em geral, numa ótica de promoção da criação de hábitos de leitura.

- Publicidade -

A 33ª Feira do Livro apresenta centenas de livros, Encontros com Escritores, Sessões de Contos, Espetáculos Musicais e de Teatro, Hora do Conto, entre outros eventos que farão da 33ª edição da Feira do Livro mais um grandioso evento cultural do concelho de Constância.

Horário da 33ª Feira do Livro:

Terça e Quarta-feira: 9h00-18h00
Quinta-feira: 9h00-18h00 e 20h00-22h00
Sexta-feira: 9h00-18h00
Sábado: 14h00-19h00
Domingo: 10h30-18h00

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome