Constância | Santander Totta encerra balcão em Santa Margarida em setembro (c/áudio)

Banco Santander Totta encerra balcão em Santa Margarida em setembro. Foto: DR

O Banco Santander Totta, S.A vai encerrar a partir de setembro a agência localizada na freguesia de Santa Margarida da Coutada, em Constância. Após várias tentativas por parte da autarquia para evitar o encerramento deste balcão, o Município “lamenta profundamente” a decisão da entidade bancária.

PUB

A intenção do Banco Santander Totta é a de encerrar já em setembro a agência localizada na Estrada Militar, dentro do Campo Militar de Santa Margarida, na freguesia de Santa Margarida da Coutada, e nem os esforços do Município fizeram, até ao momento, reverter a situação.

Num esclarecimento aos munícipes, publicado na página de Facebook do Município de Constância, a autarquia “lamenta profundamente” a decisão da instituição bancária e dá conta dos esforços feitos após ter tomado conhecimento da situação.

PUB

Em declarações aos jornalistas, o presidente do Município de Constância, Sérgio Oliveira (PS), adianta que a Câmara tomou conhecimento da intenção do Santander de fechar o balcão por “cortesia do senhor coronel Abreu, comandante por suplência da Brigada Mecanizada”.

Perante tal informação, a autarquia escreveu um ofício no sentido de “sensibilizar o banco” para não encerrar o balcão. Apesar do problema não ter que ver com as atuais instalações da agência, no mesmo documento, explica Sérgio Oliveira, o Município propôs uma alternativa de localização, mostrando “abertura e disponibilidade para arranjar um espaço para o funcionamento da agência na parte civil de Santa Margarida da Coutada”.

PUB

No entanto, a resposta do Santander foi a de que a decisão de fechar a agência é “irreversível”.

O Município defende que a instituição bancária “não foi sensível” à disponibilidade mostrada pela autarquia, tendo mantido a decisão de encerrar o balcão em Santa Margarida da Coutada já no início do mês de setembro, ficando os 50 clientes do banco da freguesia sem balcão físico no concelho onde se dirigir para tratar de assuntos bancários.

Contudo, o Santander assume a possibilidade de prestar serviço à distância e irá manter-se em funcionamento o terminal multibanco (ATM) – um compromisso assumido pela instituição que a autarquia constanciense espera que “seja cumprido”.

O Município de Constância considera ainda que este encerramento é “uma machadada em todo o esforço que a autarquia tem feito até ao dia de hoje para inverter aquilo que se passa em Santa Margarida”.

Numa tomada de posição, o Município admite que “só não cancela de imediato a conta que tem na referida Instituição devido aos três créditos que mantém na referida Instituição”, créditos esses que são referentes às obras do Centro Escolar de Constância e da Ponte da Praia do Ribatejo (cujos empréstimos terminam em 2021) e às obras no Borboletário Tropical do Parque Ambiental de Santa Margarida (cujo empréstimo termina em 2027).

A concretizar-se o encerramento do balcão do Santander Totta em Santa Margarida da Coutada em setembro, Constância fica a dispor apenas de uma agência bancária em todo o concelho, a Caixa Geral de Depósitos, localizada na Rua Luís de Camões, na sede do concelho.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here