Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quarta-feira, Agosto 4, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Constância aprova orçamento de 5,7 milhões para 2016

A Câmara Municipal de Constância já aprovou o seu orçamento para o próximo ano: são 5 milhões e 700 mil euros num ano que a autarquia considera ser “de grande contenção de despesa corrente”.

- Publicidade -

Entre as principais prioridades traçadas pela autarquia para o próximo ano está a conclusão do Centro Escolar de Montalvo e a criação das infraestruturas e acessibilidades necessárias para o seu funcionamento, a ampliação do cemitério da Portela e a requalificação do Parque Infantil da zona ribeirinha de Constância.

reuniao camara constancia (Foto Arquivo)“O ano de 2016 será um ano de grande contenção de despesa corrente estando salvaguardada a assunção da despesa assumida com a prestação de serviços essenciais como o fornecimento de água, saneamento, recolha de resíduos sólidos e urbanos, iluminação pública, entre outros”, refere o documento da autarquia de apresentação do orçamento.

- Publicidade -

O mesmo documento refere ainda que “pese embora seja um exercício de grande contenção continua a priorizar-se ao nível das ações imateriais a Educação, a Ação Social, o apoio ao associativismo, o desporto e a promoção turística e cultural como fatores de desenvolvimento sociocultural e económico do concelho”.

Ao nível da promoção turística e cultural, a Câmara Municipal de Constância vai continuar a apostar em projetos como a Festa de Nossa Senhora da Boa Viagem (Festas do Concelho que levam milhares de visitantes à vila), as Pomonas Camonianas, bem como no Centro Ciência Viva e no Parque Ambiental de Santa Margarida.

Constancia1 Constancia2Dos projetos previstos para o próximo ano, a Câmara de Constância destaca ainda a área da regeneração urbana com a elaboração dos Planos de Ação para Reabilitação no espaço público ed privado, “instrumentos de planeamento obrigatórios para o desenvolvimento de candidaturas aos fundos comunitários”, sendo que “a reconversão urbanística do centro histórico continuará a ser uma área de ação prioritária”.

A constituição da ZIF – Zona de Intervenção Florestal, em parceria com a Altri – Florestal, que irá abranger os municípios de Constância, Abrantes, Tomar e Vila Nova da Barquinha é o projeto de destaque a desenvolver em 2016 na área do ambiente, proteção da floresta e biodiversidade.

A autarquia realça ainda que “as Grandes Opções para 2016 refletem despesas com projetos municipais e intermunicipais contratualizados com a CIMT e a CCDR-Centro no âmbito do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial”.

A modernização administrativa e a capacitação dos trabalhadores da autarquia são outra das apostas do município de Constância para 2016.

Com menos 500 mil euros quando comparado com o ano de 2015, a proposta de Orçamento para 2016 foi aprovada por maioria, com as abstenções dos vereadores do PS, na reunião de Câmara de 29 de outubro, sendo que o documento será submetido a aprovação na próxima reunião da Assembleia Municipal, ainda sem data marcada.

Entrou no mundo do jornalismo há cerca de 13 anos pelo gosto de informar o público sobre o que acontece e dar a conhecer histórias e projetos interessantes. Acredita numa sociedade informada e com valores. Tem 35 anos, já plantou uma árvore e tem três filhos. Só lhe falta escrever um livro.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome