Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Agosto 5, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

CONSTÂNCIA: Autarquia promove programa piloto a pé para a escola

A pé para a escola é um programa piloto de fomento das atividades pedestres no seio da população escolar, desenvolvido pela Câmara Municipal de Constância em parceria com o Agrupamento de Escolas de Constância.

- Publicidade -

Pretende fomentar junto dos alunos do 1.º ciclo do ensino básico, maior autonomia relativamente às suas famílias para se deslocarem no percurso casa-escola, dotando-os e sensibilizando-os com as seguintes noções: importância de atividade física diária ou regular, orientação em espaço público, segurança rodoviária, cidadania, utilização e respeito do espaço público, sustentabilidade e saúde.

A iniciativa tem como objetivos fomentar e disseminar as deslocações a pé colocando este meio de deslocação no centro da vida quotidiana dos munícipes, cimentar hábitos de prática desportiva regular e informal junto da população em idade escolar, criação de “corredores seguros” para as deslocações e desenvolver sinergias com agentes e entidades locais com vista à delineação de estratégias adequadas que apelem ao envolvimento da comunidade (Associações de Pais, Agrupamento de Escolas, Coletividades, vizinhos ou grupos de amigos).

- Publicidade -

A Pé para a escola funciona até junho de 2016, e em regime de uma vez por semana, a Câmara Municipal de Constância coloca um técnico de desporto a enquadrar, monitorizar e acompanhar o percurso dos alunos participantes.

O programa piloto terá início na freguesia de Montalvo, todas as quartas-feiras, às 8h15 e o regresso será da responsabilidade dos participantes.

 

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome

- Publicidade -