Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Sábado, Maio 8, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Constância | Assembleia Municipal aprova orçamento de 7 milhões para 2017

A Assembleia Municipal de Constância realizou a última sessão de 2016 esta segunda-feira, dia 19, e aprovou o orçamento apresentado pelo executivo para 2017. O investimento previsto ronda os 7 milhões de euros e prioriza o Centro Escolar de Montalvo, o cemitério da Portela e o centro histórico da vila.

- Publicidade -

A Assembleia Municipal de Constância despediu-se de 2016 com a aprovação do orçamento para 2017. Os deputados presentes na sessão desta segunda-feira aprovaram por maioria o orçamento proposto pelo executivo que incide em três empreitadas de maior volume, uma em cada freguesia do concelho.

O orçamento municipal de 6.969.280,00€ foi aprovado em reunião camarária a 28 de outubro, com a abstenção dos vereadores socialistas António Mendes e Natércio Candeias, e as abstenções do PS, quatro, voltaram a estar presentes na votação da Assembleia Municipal.

- Publicidade -

Na freguesia de Montalvo, a aposta municipal será feita ao nível da educação com a conclusão do Centro Escolar (infraestruturas e acessos). Por sua vez, os munícipes da freguesia de Santa Margarida da Coutada terão o cemitério da Portela ampliado e os habitantes da vila de Constância passarão a usufruir de um centro histórico reconvertido urbanisticamente.

O investimento do próximo ano inclui ações de promoção turística e cultural com a organização das Festas de Nossa Senhora da Boa Viagem, das Pomonas Camonianas, do Festival das Grandes Rotas, da Feira do Livro e do Festival Internacional do Carrilhão e do Órgão.

A estas iniciativas juntam-se outras no Parque Ambiental de Santa Margarida e no Borboletário, no Centro Ciência Viva e na Quinta Dona Maria/Museu Quintas do Tejo, assim como a continuidade do programa comemorativo do “Ano Camões” (2016/17), que engloba o 40º aniversário da Associação Casa-Memória de Camões e o primeiro quarto de século da Escola Luís de Camões.

Estão, igualmente, previstos investimentos nas áreas da ação social, associativismo, desporto, recursos humanos da autarquia, modernização administrativa e ambiente no ano em que o município continuará a assumir as despesas relacionadas com o fornecimento de água, saneamento, recolha de resíduos sólidos urbanos e iluminação pública.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

COMENTÁRIOS

Please enter your comment!
O seu nome