Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Agosto 5, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

CM Ferreira do Zêzere vai adquirir prédio para arrendar a jovens casais

A Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere decidiu avançar com o pedido de empréstimo no valor de 900 mil euros para adquirir um prédio, à entrada da vila, que será destinado a promover o arrendamento jovem. A decisão foi tomada, por unanimidade, na reunião de executivo camarário de 26 de novembro e carece agora do visto do Tribunal de Contas. IMG_0234

- Publicidade -

O presidente da Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere, Jacinto Lopes (PSD) explicou ao mediotejo.net que em causa está um prédio com 10 fracções e com as seguintes tipologias: dois T4, quatro T3 e quatro T2. O objectivo é fixar a população jovem dado que a renda vai ter um preço mais baixo em relação ao valor do mercado.

Mas os jovens casais podem ainda a ver o valor da renda baixar caso tenham um ou mais filhos. “Isto ainda vai ter que ser trabalhado ao nível do regulamento mas pensámos que os jovens casais possam ficar no máximo até cinco anos, sendo que para cada filho que nasça vai ser atribuído um valor que será deduzido na renda. Se o casal tiver dois filhos, a renda vai ficar com um valor muito baixo”, explicou o autarca.

- Publicidade -

Para Jacinto Lopes, a medida reveste-se de dois objectivos: fixar a população jovem no concelho e promover a natalidade. “Já pagamos os livros, damos as refeições, os transportes escolares aos nosso alunos pelo que este é mais um passo na promoção da natalidade. Pretendemos que cada vez mais jovens se fixem em Ferreira do Zêzere”, vincou. IMG_0240

Após o Tribunal de Contas aprovar esta intenção de contracção de empréstimo, a autarquia avança com a elaboração do Regulamento Final, estando prevista a sua implementação no primeiro trimestre de 2016.

O prédio – propriedade da empresa Consulteam –  localiza-se à entrada da vila, junto ao ramal e ao Intermarché, numa zona onde há muita construção mas que ainda tem pouca gente ali a morar pelo que também será uma forma de vitalizar esta zona da sede deste município do Médio Tejo. 

 

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome