CIM do Médio Tejo | Assembleia Intermunicipal solidária com Moçambique e bombeiros portugueses

A Assembleia Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIM do Médio Tejo) expressou na reunião da passada quarta-feira, dia 20, a sua solidariedade para com o povo moçambicano devido à calamidade gerada pela passagem do ciclone Idai. Os bombeiros portugueses que viajaram para aquele país não ficaram esquecidos e o voto também lhes presta reconhecimento.

O documento resultou da moção apresentada por João Simões (PS / Tomar) e António Mor (PS / Abrantes) e a causa uniu os representantes das assembleias municipais dos 13 concelhos do Médio Tejo na votação e no minuto de silêncio que se seguiu.

O “voto de solidariedade e condolências ao povo de Moçambique vítima da catástrofe ocorrida nos últimos dias na região da Beira, bem como de apoio e agradecimento aos bombeiros portugueses pelo apoio prestado ao povo de Moçambique” foi aprovado por unanimidade pelos deputados.

PUB
Sónia Leitão
Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).