Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Setembro 17, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Ciclismo | José Ronconi vence 3ª etapa da 27ª Volta a Portugal do Futuro

Com partida em Abrantes e chegada a Castelo de Vide correu-se na manhã deste sábado, 07 de setembro, a 3ª etapa da 27ª Volta a Portugal do Futuro Liberty Seguros. Uma etapa curta, com apenas 79,9 quilómetros, levou a caravana até ao Alto Alentejo onde as maiores dificuldades foram o calor e o vento forte que se fazia sentir. José Luciano Martinez Ronconi venceu esta 3ª etapa. Emanuel Duarte (LA Alumínios/ La Sport) mantém a camisola amarela.

- Publicidade -

Com apenas 12 quilómetros corridos Ivan Cobo Cayón (Gomur – Cantabria Infinia) saltou do pelotão e ganhou alguns segundos de vantagem. Um pouco à frente mais dois corredores fizeram-lhe companhia: Diogo Duarte (Sicasal/ Constantinos) e Aritz Kortabarria Loidi (Alumínios Cortizo) que prosseguiram em fuga após Ivan Cobo Cayón abdicar.
Na meta volante em Gavião, aos 23,5 Km, o primeiro foi o espanhol em fuga. Seguiu-se Diogo Duarte e Pedro Miguel Lopes (UD Oliveirense/ Inoutbuild).

Com a fuga anulada aos 33 Km, cumprida a primeira hora com uma média de 35 Km/h devido ao vento, formou-se nova fuga com três ciclistas: Francisco Moreira (ACDC Trofa/ Trofense), Sergio Trueba Cagigas (Gomur – Cantabria Infinia) e Joan Riera (Kuota – Construcciones Paulino) que, com metade do percurso percorrido, detinham um avanço de dois minutos para o pelotão onde seguia o camisola amarela. O símbolo de líder nunca esteve em risco porque o melhor classificado do grupo era Joan Riera que estava a 7’28’’ de Emanuel Duarte.

- Publicidade -

Com várias equipas a trabalhar na cabeça do pelotão a vantagem dos fugitivos começou a cair. A equipa do líder da geral, LA Alumínios/ La Sport, pegou na corrida e anulou a fuga passando a rolar “à vista” um sobrevivente da fuga: Francisco Moreira.

O esforço foi inglório e os últimos dez quilómetros foram corridos com o pelotão compacto.
José Luciano Martinez Ronconi (Baque – Ideus – BH Team) foi o mais rápido sobre a linha de meta e venceu em Castelo de Vide. Emanuel Duarte (LA Alumínios/ La Sport) mantém a camisola amarela.

Durante a tarde terá lugar o contra relógio individual de 8,4 Km, ao redor de Castelo de Vide, onde a rampa da Ermida da Senhora da Penha poderá fazer a diferença e clarificar muita coisa no que à classificação geral diz respeito.

Nasceu a 30 de Janeiro de 1961 em Lisboa e cresceu no Alentejo, em Santiago do Cacém. Dali partiu em 1980 para ingressar no Exército e no Curso de Enfermagem. Foi colocado em Santa Margarida e por aqui fez carreira acabando por fixar-se no Tramagal em 2000. A sua primeira ligação à Vila "metalúrgica" surge em 1988 como Enfermeiro do TSU. Munido da sua primeira câmera digital, em 2009 e com a passagem à situação de reserva, começou a registar a fauna do Vale do Tejo, a natureza e o património edificado da região, as ruas, as pessoas... Com colaborações regulares em jornais da região e nacionais este autodidata acaba por conseguir o reconhecimento público, materializado em alguns prémios. Foi galardoado na 8ª Gala de Cultura e Desporto de Tramagal na categoria de Artes Plásticas (Fotografia) em 2013.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome