Chamusca | Município reforça medidas apesar de casos de covid-19 estarem “a baixar significativamente”

Os casos de covid-19 no concelho da Chamusca “estão a baixar significativamente”, afirmou o Presidente da Câmara, Paulo Queimado, na reunião do Executivo realizada no dia 20 de outubro.

PUB

Segundo o relatório publicado pelas autoridades de saúde referentes ao mesmo dia, estão confirmados no concelho 44 casos, estando 17 ativos. O número de recuperados aumentou de 20 para 25 e estão oito em vigilância ativa.

Apesar destes números, a autarquia decidiu adotar novas medidas, com base na revisão do plano municipal interno de contingência para a covid-19. Isto porque o Governo decidiu, no dia 15, elevar o nível de alerta do país para “situação de calamidade”.

PUB

Paulo Queimado adiantou que essas novas medidas de contingência serão objeto de avaliação semanal, levando a que o plano seja ajustado conforme a evolução da pandemia.

Nesta altura alguns funcionários municipais dos serviços considerados “mais sensíveis” praticam horários desfasados – das 8h00 às 14h00 e das 14h00 às 20h00 com 10 minutos de desfasamento entre entradas e saídas – e há mais equipas em teletrabalho.

O Presidente da Câmara disse ainda que as ações de formação dos funcionários no exterior foram suspensas, as reuniões com pessoal externo só acontecem em situações pontuais e a prestação de serviços nas instalações municipais só são possíveis em situações inadiáveis.

O Município vai privilegiar o atendimento ao munícipe por via eletrónica e telefónica (através dos contatos gerais do Município: e-mail, telefone, WhatsApp e Skype).

No âmbito das medidas de proteção e salvaguarda da saúde e do bem-estar da população e dos funcionários municipais, o atendimento presencial e o acesso aos serviços municipais passam a ser feitos preferencialmente por marcação prévia, à exceção dos atendimentos prioritários, dos serviços da tesouraria e da biblioteca. Nos serviços em que haja atendimento presencial é proibida a permanência de mais de uma pessoa para além dos funcionários.

Segundo o Presidente da Câmara, as novas medidas de funcionamento interno da autarquia e de atendimento ao público visam “a absoluta necessidade de salvaguardar a saúde e bem-estar da população e dos funcionários do Município da Chamusca”.

“Estamos a acompanhar, com proximidade e determinação, toda a evolução da situação epidemiológica no concelho e a apoiar as instituições que, na comunidade, travam esta luta contra a Covid-19, providenciando os meios necessários e sendo nós próprios o exemplo na forma como implementamos as mudanças internas no Município, necessárias à fase que vivemos”, refere Paulo Queimado.

No concelho mantêm-se em vigor os horários de funcionamento dos estabelecimentos do concelho, definidos após a Situação de Contingência, e que são: abertura – 09h00; encerramento – 23h00 (com as exceções previstas na lei).

PUB
PUB
José Gaio
Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.
PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).