Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Setembro 22, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Chamusca | Município investe 760 mil euros para substituir iluminação pública

O Município da Chamusca iniciou no dia 23 de julho os trabalhos de substituição das atuais lâmpadas da iluminação pública por novas luminárias com tecnologia Led. Os números falam por si: 4645 luminárias; investimento global de 759.753,52€ (acrescido de IVA); poupança de 57,1% no consumo energético.

- Publicidade -

Vão ser substituídas luminárias em todo o concelho, num investimento em que o Município comparticipa apenas com 5% e o restante é garantido através do Programa Operacional Regional do Alentejo (Alentejo 2020 – Portugal 2020), na sequência de uma candidatura aprovada no âmbito do aviso para investimentos na melhoria da Eficiência Energética das Infraestruturas Públicas da Administração Local.

Estima-se que no concelho a substituição das 4645 luminárias represente uma poupança de 57,1% no consumo energético, o que – aos preços atuais – significa uma redução de custos de 166.816.84 euros ao ano.

- Publicidade -

Além disso, a substituição por lâmpadas Led tem uma segunda vantagem: a redução de 412,53 toneladas ao ano de CO2 (dióxido de carbono), isto é, cerca de metade das emissões atuais.

Em nota de imprensa, o Município explica que “a comparticipação do projeto (95%) é garantida pelo Portugal 2020, mas tratando-se de uma subvenção reembolsável, o Município irá ter de fazer a devolução da verba comparticipada”. No entanto, “graças às poupanças alcançadas pela diminuição do consumo de energia elétrica, é expectável que, ao longo de oito anos, a redução de custos permita financiar até 70% do valor da verba a reembolsar pelo Município no âmbito da candidatura”. Após os oito anos iniciais, o Município da Chamusca passa a gerir toda a verba poupada durante a vida útil dos equipamentos.

O Presidente da Câmara Municipal da Chamusca, Paulo Queimado, sublinha a importância desta medida para o objetivo mais abrangente de cumprimento das metas europeias e nacionais de redução das emissões de gases com efeito de estufa. Além disso, destaca este investimento público por permitir responder à necessidade de adaptação da sociedade às alterações climáticas e trazendo poupanças financeiras ao município, pela redução significativa dos gastos com a iluminação pública através da melhoria da eficiência energética.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome