PUB

Chamusca | António Costa na inauguração do novo Centro Escolar

O Primeiro Ministro, António Costa, desloca-se à Chamusca na terça feira, dia 23, acompanhado pelo Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, para uma visita protocolar que marca a inauguração do novo Centro Escolar.

PUB

O programa começa às 10 horas com a receção das entidades, seguindo-se meia hora depois a visita às novas instalações pela comitiva governamental e convidados.

Para as 15 horas está agendada a receção à Comunidade, altura em que discursam o Presidente da Câmara Municipal da Chamusca, Paulo Queimado e o Diretor do Agrupamento de Escolas da Chamusca, Fernando Miranda. Após as intervenções vai ser possível a quem estiver interessado visitar as novas instalações.

PUB

O Centro Escolar da Chamusca representa um investimento na ordem de 1 milhão e 950 mil euros, financiado em 85% por fundos comunitários. Desse montante, cerca de 120 mil euros destinou-se a mobiliário e 180 mil euros a equipamento informático.

Estava previsto que a obra estivesse concluída em junho de 2018, mas o prazo resvalou devido a dificuldades da empresa construtora em contratar pessoal.

O presidente da Câmara, Paulo Queimado (PS) considera o novo Centro Escolar um “espaço de excelência para professores, funcionários e alunos”.

As novas instalações contemplam cinco salas de Jardim de Infância, 10 salas de 1.º Ciclo do Ensino Básico, e ainda diversas outras salas e áreas destinadas a áreas curriculares inovadoras: Sala Criativa, Sala Artes, Sala Música, Sala Artes, Sala Ciência, Sala LAIC – Sala Inclusiva.

As outras principais valências desta escola são também o Ginásio, o Refeitório, um recinto polivalente, um Anfiteatro, gabinetes para docentes (professores e educadores de infância), salas para assistentes operacionais e Gabinete para atendimento aos encarregados de educação.

PUB
PUB
José Gaio
Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).