Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Julho 30, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Certame dedicado ao cavalo e ao S. Martinho na Golegã até 15 novembro

A 40.ª edição da Feira Nacional do Cavalo e a 17.ª Feira Internacional do Cavalo Lusitano começam sexta-feira, na Golegã, aliando à centenária e típica Feira de S. Martinho o desporto equestre e o negócio de equinos.

- Publicidade -

Rui Medinas, presidente da Câmara Municipal da Golegã, disse à agência Lusa que o certame tem vindo a contar com uma presença crescente de visitantes provenientes não só de todo o país como de vários pontos do mundo.

Além de turistas atraídos pelas características da centenária Feira de S. Martinho, que traz à vila o cheiro da castanha assada e uma verdadeira azáfama de cavaleiros e amazonas, tem sido crescente o número de espetadores nas inúmeras provas equestres e de compradores, em particular interessados no cavalo Puro-Sangue Lusitano, disse.

- Publicidade -

O certame, que decorre até dia 15, arranca na sexta-feira às 08:00 com o Concurso Nacional Especial de Saltos de Obstáculos, realizando-se, à tarde, o Concurso de Atrelagem Nacional – Prova de Ensino e a Taça de Portugal de Equitação de Trabalho – Prova de Ensino.

Para sábado estão agendados, para o Largo do Arneiro, Centro de Alto Rendimento e Quinta da Labruja, o Concurso de Resistência Equestre, a Taça de Portugal de TREC (passeio) – Prova de Orientação, Taça de Portugal de Equitação de Trabalho – Prova de Maneabilidade, a Gala Equestre São Martinho 2015 (à noite), o Concurso Nacional Especial de Saltos de Obstáculos e o Concurso de Atrelagem Nacional – Prova de Maratona.

Rui Medinas realçou, ainda, a vertente cultural e artística do certame, com várias exposições de pintura e escultura, destacando a apresentação, no sábado, do livro “Manuel dos Santos: O Homem e o Toureiro”, que “faz a ligação entre a história e a tradição da Golegã no toureio a pé”.

No domingo, realiza-se a Taça de Portugal – Medição de Andamentos, o Concurso de Atrelagem Nacional – Prova de Cones, A Prova de Velocidade da Taça de Portugal de Equitação de Trabalho, o Concurso Nacional Especial de Saltos de Obstáculos e mais uma prova da Taça de Portugal de TREC.

Rui Medinas destacou a realização, pela primeira vez, no último fim de semana da feira, do Campeonato Europeu Juniores de Equitação do Trabalho, bem como as corridas de cavalos, de galope e de trote atrelado, além do 2.º Campeonato Nacional Inter Escolar de Equitação, que, este ano, além das escolas profissionais, conta com a participação dos Institutos Politécnicos.

No dia 11, Dia de São Martinho, realiza-se o tradicional cortejo dos Romeiros de São Martinho, decorrendo também nesse dia as jornadas de investigação médico-veterinárias em equídeos, momento “importante de reflexão e produção de conhecimento”, realçou.

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome