Centro 2020 apoia primeiros projetos de regeneração urbana com 6,6 ME

O programa Centro 2020 aprovou os primeiros 10 projetos dos planos estratégicos de desenvolvimento urbano (PEDU) dos municípios da região, foi hoje anunciado.

PUB

“Estes projetos, de regeneração urbana e mobilidade urbana sustentável, representam um montante de apoio do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) de cerca de 6,6 milhões de euros”, refere uma nota da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC).

Nesta fase, são seis os municípios contemplados pelos apoios, para um ou mais projetos: Alcobaça, Castelo Branco, Coimbra, Mangualde, Pombal e Torres Novas.

PUB

Neste momento, estão também a ser analisadas candidaturas ao mesmo programa que perfazem “um valor solicitado de FEDER” de cerca de 11,2 milhões de euros.

“Isto significa que, muito em breve, o Centro 2020 terá aprovado no âmbito dos PEDU projetos que totalizam um valor FEDER de 17,8 milhões de euros”, adianta a nota da CCDRC, a que preside Ana Abrunhosa.

PUB

Estes projetos integram “as estratégias dos centros urbanos de maior dimensão da região Centro, em domínios como a regeneração urbana, mobilidade sustentável e comunidades desfavorecidas”.

“A aprovação destas estratégias, cujos contratos foram assinados em maio de 2016, mobiliza um apoio do Centro 2020 superior a 200 milhões de euros”, segundo o gabinete de imprensa da CCDRC.

Trata-se de um conjunto de 32 municípios em que as dotações contratualizadas mais importantes cabem, respetivamente, a Coimbra (18 milhões de euros), Leiria (15 milhões), Viseu (12 milhões), Aveiro (10 milhões) e Torres Vedras (10 milhões).

PUB
Agência Lusa
Agência de Notícias de Portugal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).