Crónicas

“Seres superiores”, por Vasco Damas

Ao longo do meu percurso de vida fui-me cruzando com vários tipos de pessoas cujos perfis se podem encaixar em determinadas categorias. Aqueles sobre...

Ourém | Crónica de uma passagem pelo Agroal num agosto de...

Só queríamos que a garota experimentasse a água gelada da nascente. Um bocado de sadismo paternal à mistura com a genuína vontade de ver...

“Vozes de burro não chegam ao céu”, por Vera Dias António

Saindo do meu registo normal, de escrever sobre pessoas, hoje falarei de expressões, mais concretamente de uma parte da nossa tradição oral, os provérbios....

“Flores”, por Armando Fernandes

Por esquecimento ou falta de hábito, as artes culinárias e, consequentemente a gastronomia em Portugal, concedem às flores diminuta expressão (???)  e representação nas...

Crónica fotográfica, por Paulo Jorge de Sousa

Zona do talho, ontem, num hipermercado da região. Olho para o número no mostrador e debruço-me para tirar a senha ao mesmo tempo que...

“Genes, memes e ‘democratas não-praticantes’”, por José Rafael Nascimento

“A única maneira de praticar a democracia, é praticar a democracia” – Hu Shih, filósofo chinês pró-democracia, sugerindo que não existe tal coisa como...

“Avós: Raízes e Nós”, por António Matias Coelho

Se calhar é quando se chega a avô que mais plenamente se entende a importância do papel dos avós no crescimento e na formação...

“No coração da EN2”, por José Martinho Gaspar

A Estrada Nacional 2, muitas vezes referenciada como EN 2, ou simplesmente N2, é uma via que integra a rede nacional de estradas de...

“A essência das pessoas”, por Vasco Damas

"Podemos enganar alguns durante algum tempo, podemos enganar alguns durante todo o tempo mas não conseguimos enganar todos durante todo o tempo." A frase...

Crónica fotográfica, por Paulo Jorge de Sousa

Agosto, férias, festas, muitas festas, música ao vivo, convívio, muito convívio, frango assado, batatas fritas e umas quantas cervejas a acompanhar as noites quentes...

“Sardinhas”, por Armando Fernandes

Ainda Portugal enquanto nação independente não passava de um sonho do pai de Dom Afonso Henriques e já o porto de Vigo abastecia de...

“O meu pai é um senhor reformado”, por Vera Dias António

Entrámos em agosto e o meu pai entrou na reforma. O meu pai é um senhor reformado, o que me deixa confusa, juro-vos. Porque...