Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Outubro 28, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Breves | Cultura

Sertã | Grupo Coral do Sertanense inicia ciclo de concertos pelo concelho

- Publicidade -

Vários locais do concelho vão receber a visita musical do Grupo Coral do Sertanense Futebol Clube nos próximos meses. O ciclo de concertos tem início este às 16h00 deste domingo, dia 28, e a primeira atuação realiza-se na Serra de São Domingos. Pela capela edificada em 1971 vão ecoar temas como “Amazing Grace”, “Canticorum Jubilo”, “A Madrugada” e “Ó rama, ó que linda rama”.

Estão previstas outras atuações do grupo cultural amador a quatro vozes, constituído por cerca de 30 elementos, fundado em 2006 e com orientação artística do maestro Paulo Reis. Os locais e datas serão anunciados brevemente, tendo sido avançado que irão ocorrer durante a época natalícia e na Páscoa.

- Publicidade -

O grupo tem participado em diversas iniciativas em Portugal e no estrangeiro e representou o país no Projeto Europeu TESST (“Traditional European Songs Singing Together”), no âmbito do Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida da Agência Nacional PROALV.

Torres Novas | Autarquia assina protocolo com Novo Banco Cultura

Museu Municipal Carlos Reis. Foto: MMCR

A autarquia torrejana e o Novo Banco assinam o protocolo, às 17h00 deste domingo, dia 28, que permite a cedência para exposição permanente da obra “No Tejo” de João Reis, filho do pintor Carlos Reis. A obra pertence à coleção de pintura da entidade bancária, que estará representada no Museu Municipal Carlos Reis pelo seu CEO, António Ramalho, junto de Pedro Ferreira, presidente da câmara municipal.

A arte de João Reis é transversal a diversos géneros de pintura, incluído o retrato, nu, tipos e costumes, vida quotidiana, alegoria e paisagem. As décadas de 30 e 40 do século XX encontram-se entre as mais produtivas do seu percurso artístico, tendo a obra “No Tejo” sido pintada em 1944, sugerindo, segundo a nota da autarquia, “a ondulação do rio, o impalpável do céu entre o azul e o rosa, a atmosfera da neblina, o reflexo dos barcos na superfície da água”.

Este foi, igualmente, o ano em que João Reis apresentou cerca de sete dezenas de pinturas de retrato e paisagem na Sociedade Nacional de Belas Artes, em Lisboa, e no Salão Silva Porto, no Porto. Sobre estas exposições individuais lia-se na revista Brotéria, na altura, que “este pintor continua aferradamente impressionista, por convicção e por prática, na realização dos seus ideais pictóricos”.

Ourém | Santuário volta a ouvir Ecos de Fátima

A Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima recebe a segunda edição da iniciativa “Ecos de Fátima” às 15h30 deste domingo, dia 28, organizada pelo Santuário de Fátima. O Rosário é a inspiração do concerto “Rosarium Fatimae”, que junta o Coro do Santuário de Fátima, a Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima e os músicos, três solistas e três organistas, do Serviço de Música Sacra.

Um itinerário musical que, segundo Paulo Teixeira, tem início com uma meditação religiosa e intercala momentos musicais e declamações de poemas alusivos aos mistérios. O espetáculo inclui, igualmente, momentos de improviso no órgão e obras contemporâneas, como a estreia do tema “Avé Maria”, criado por este maestro.

A primeira edição deste evento realizou-se no final de 2017, integrado nas celebrações do Centenário das Aparições, e contou com a participação do Coro do Carmo de Beja, do Coro da Catedral de Lisboa e do Coro do Santuário de Fátima.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome