- Publicidade -

Sábado, Janeiro 22, 2022
- Publicidade -

Autárquicas/Tomar | Cristina Pinheiro (PSD) concorre à junta de Sabacheira

A candidatura “Acreditar em Tomar” (PSD) à junta de freguesia de Sabacheira, Tomar, liderada por Cristina Pinheiro foi apresentada no dia 31 de julho, no Café Central (Casa das Tripas) no Suímo.

- Publicidade -

Cristina Pinheiro tem 53 anos e uma vasta experiência autárquica e associativa. Foi Presidente da Associação do Suímo, Secretária da junta de Sabacheira e presidente da assembleia de freguesia, órgão ao qual ainda pertence.

João Tenreiro, presidente da comissão política do PSD de Tomar e candidato à Assembleia Municipal, começou por destacar o facto de o PSD ser o primeiro partido a apresentar candidatos a todas as Juntas de Freguesia de Tomar. “É sinal de que há grande vitalidade no PSD, há ânimo, há simpatia”, acrescentou o autarca.

- Publicidade -

Deixou uma palavra de agradecimento a Rui Subtil, anterior candidato e que continua a integrar a lista do PSD.

O autarca lamentou a “péssima gestão do PS” na freguesia da Sabacheira de que é exemplo o encerramento da escola das Serras da Sabacheira por negligência da junta, ao contrário do que fez o presidente da junta de Além da Ribeira e Pedreira que lutou e conseguiu que se mantivesse o jardim de infância do Fetal.

- Publicidade -

Para João Tenreiro “há que inverter este declínio não só na Freguesia como a nível da gestão camarário. Acreditamos que é possível virar a página a nível concelhio, a nível autárquico”.

Cristina Pinheiro anunciou que pretende “combater o marasmo que existe na freguesia, uma freguesia desertificada e envelhecida”. Lamentou o fecho da escola primária, a crescente desclassificação da estação de Fátima e a situação do posto de saúde que só tem médico de vez em quando. A estes problemas acrescentou as falhas no abastecimento de água devido às constantes roturas nas condutas e o problema da poluição provocada pela ETAR de Seiça, localizada na freguesia.

A candidata apontou como objetivo “tentar inverter aquilo que está a acontecer na Sabacheira”, prometendo apenas “trabalho, empenho e dedicação”.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome