Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

Domingo, Setembro 26, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

Autárquicas | PSD apresentou candidatura a Constância encabeçada por Manuel Lapa (C/ÁUDIOS)

Foi em Santa Margarida da Coutada e sob o mote “Fazer a esperança acontecer”, que o Partido Social Democrata (PSD) apresentou no sábado, dia 7 de agosto, os seus candidatos às eleições autárquicas, liderados por Manuel Lapa à Câmara Municipal de Constância. A questão da ponte sobre o rio Tejo, que liga as duas margens do concelho, apresenta-se como a linha prioritária de uma candidatura cujo objetivo é reforçar a representatividade e ter uma voz mais presente e ativa nos diversos órgãos autárquicos.

- Publicidade -

Além de Manuel Lapa (63 anos, eletrotécnico) para a Câmara Municipal, Madalena de Sousa (62 anos, professora) candidata-se à Assembleia Municipal de Constância. Vasco Botelho de Sousa (72 anos, bancário reformado) é o candidato à Assembleia de Freguesia de Montalvo, Gabriela Peixinho (39 anos, vigilante de segurança privada) à de Santa Margarida da Coutada e Luís Gonçalves (68 anos, reformado) concorre à de Constância.

Numa sessão de apresentação onde também estiveram presentes os deputados da Assembleia da República João Moura (presidente da Comissão Política Distrital do PSD de Santarém) e Isaura Morais (vice-presidente da Comissão Política Nacional do PSD), foi unânime a visão de que “O PSD não é oposição, é alternativa”.

Manuel Lapa iniciou a sua intervenção afirmando que o território se está a esvaziar e que é necessário gente nova, algo que só é conseguido com uma politica definida tendo em conta as especificidades de cada freguesia e, entre outras coisas, com a criação de uma rede de transportes gratuita, algo “fundamental e que tem de ser estudado”.

Manuel Lapa. Foto: mediotejo.net

O candidato a presidente do município constanciense afirmou que as três freguesias têm um potencial de desenvolvimento muito diferente, onde Montalvo “carece de forte impulso industrial, que passa sobretudo pela fixação e formação profissional adequada à indústria já existente”.

ÁUDIO | Manuel Lapa, candidato à Câmara Municipal de Constância:

Santa Margarida da Coutada, “sendo uma freguesia rural, precisa de expandir e capitalizar o fator militar”, e Constância “precisa de encontrar um rumo sustentável para o seu enorme património cultural e de alavancar numa estratégia com futuro o seu potencial turístico, cientifico e tecnológico”, defendeu.

Manuel Lapa definiu como alguns objetivos os de garantir a decisão política da construção da ponte sobre o Tejo em Constância, criar uma rede de transportes eficiente no concelho, integrar uma estratégia de desenvolvimento no plano educativo para que a formação escolar e profissional satisfaça as necessidades educativas dos jovens e dos mais velhos, apoiar iniciativas de coordenação económica dos empresários de Constância promovendo a economia local, estruturar a coordenação associativa entre as coletividades, e modernizar os edifícios e serviços municipais eliminando ineficiências e desperdícios.

“Quem acha que está tudo bem, vote nos socialistas, quem acha que está tudo mal vote nos comunistas, quem quer trabalhar e melhorar, venha connosco”, declarou o candidato do Partido Social Democrata.

Começando por afirmar que não é nem nunca foi política mas que o interesse pelo bem dos outros a leva a apresentar-se como candidata à Assembleia Municipal de Constância, Madalena de Sousa afirmou que é importante o PSD ter uma representação significativa na assembleia, “de forma a que as políticas e propostas sociais-democratas possam ser apreciadas e discutidas”, terminando a sua intervenção ao dizer que “só há desenvolvimento se entendermos a política como um meio de servirmos a comunidade de modo a ‘fazer a esperança acontecer'”.

ÁUDIO | Madalena Sousa, candidata à Assembleia Municipal de Constância:

Foi no Largo Doutor Pratas Moura, ao lado da Junta de Freguesia de Santa Margarida da Coutada, que decorreu a sessão de apresentação dos candidatos. Foto: mediotejo.net

João Moura, o presidente da Comissão Política Distrital do PSD de Santarém, agradeceu em nome da Comissão Política Distrital pela “missão” que os candidatos decidiram abraçar, pois “nos dias que correm é cada vez mais difícil darmos um bocadinho do nosso tempo à política, e portanto é preciso coragem para enfrentar a crítica, pois quando saímos da nossa zona de conforto para dar um pouco aos outros, a primeira coisa que acontece é sermos alvos da crítica”.

ÁUDIO | João Moura, presidente da Comissão Política Distrital PSD de Santarém:

O deputado que é também presidente da Assembleia Municipal de Ourém, afirmou ainda que “da parte distrital do PSD e dos deputados do PSD podem contar connosco para que Constância volte a ser um dos concelhos mais importantes do distrito de Santarém”.

A deputada e vice-presidente da Comissão Política Nacional do PSD, Isaura Morais, disse que estava presente por vários motivos, primeiro em nome do PSD nacional, o qual apoia a candidatura e o excelente trabalho que tem sido feito, mas também enquanto deputada, pois “gosto de conhecer as limitações do nosso distrito para me puder empenhar nessas questões”, e enquanto defensora do poder local.

“O que nos propomos é a ser alternativa, não somos oposição somos alternativa, e é de forma positiva e construtiva que nos queremos apresentar aos nossos concidadãos”, disse a deputada que foi presidente de Câmara de Rio Maior durante dez anos, reafirmando o apoio da comissão nacional do PSD.

No início e no fim da apresentação decorreu um momento musical que ficou a cargo do duo Nuno e Telma Damas.

Nas últimas eleições autárquicas (2017), o PSD, em coligação com o CDS, reuniu 5,21% dos votos no concelho de Constância, não conseguindo eleger nenhum representante autárquico. O PS teve três eleitos nas autárquicas de 2017 e a CDU tem dois vereadores.

Licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo. Ávido leitor, não dispensa no entanto um bom filme e um bom serão na companhia dos amigos.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome