Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Setembro 20, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Autárquicas | José Matos concorre pela CDU à Câmara de Mação e promete “intervenção crítica”

José Henriques de Matos, motorista, com 61 anos e sem filiação partidária, é o cabeça de lista da Coligação Democrática Unitária (CDU) à Câmara Municipal de Mação e defende uma “intervenção crítica” e “propostas alternativas” de desenvolvimento.

- Publicidade -

“Faz falta no concelho de Mação uma intervenção crítica que fiscalize, denuncie os problemas na defesa do interesse da população e apresente propostas alternativas que promovam o desenvolvimento local”, afirmou hoje à Lusa o candidato da CDU, coligação que junta PCP e PEV.

Entre as medidas a implementar, José Matos disse ser “necessário criar incentivos à promoção turística, ao comércio local e à captação de empresas promotoras do desenvolvimento económico”, assim como “lutar pela abolição do pagamento das portagens da autoestrada 23” e “melhorar a rede de transportes públicos entre as freguesias e a sede do concelho e com os concelhos limítrofes”.

O cabeça de lista da CDU prometeu ainda “lutar para não perder serviços de proximidade como correios, instituições bancárias e serviços públicos”, entre outros, e “exigir do Governo central um verdadeiro ordenamento florestal que passe pelo aproveitamento dos solos e espécies diversificadas, de modo a obter mais rentabilidade aliada à prevenção dos incêndios”.

Os “pontos negativos” identificados em Mação pelo candidato e que “dificultam o desenvolvimento” do concelho passam pela “perda de população, dificuldade de fixação e captação de famílias, falta de emprego e dificuldade da fixação de empresas”

Um “outro ponto negativo para a vida da população”, notou, “foi a entrega do fornecimento da água e a gestão do saneamento básico deixar de ser da responsabilidade direta da Câmara Municipal, com a consequente perda de controlo na aplicação dos tarifários”.

Natural e residente na freguesia de Mação, a vida profissional José Henriques de Matos foi durante anos ligada à restauração, como chefe de cozinha, exercendo atualmente a profissão de motorista.

José Henriques de Matos disse ainda que candidata-se às eleições de 26 de setembro “por gostar” da sua terra e por considerar “indispensável a presença da CDU nos diferentes órgãos autárquicos”, quer seja na Câmara e na Assembleia Municipal, quer nas Assembleias de Freguesia.

Com a frase ‘Com a CDU Futuro de Confiança’ como mote da campanha, o primeiro candidato à Assembleia Municipal é José Manuel Lourenço Simões, 57 anos, Técnico de Administração Tributária, natural de Lisboa e residente na freguesia de Envendos, concelho de Mação.

A CDU, que não concorre às freguesias de Amêndoa e Cardigos, apresentou listas às Assembleias de Freguesias de Envendos, Carvoeiro, Ortiga e à União de Freguesias de Mação, Penhascoso e Aboboreira cujos primeiros candidatos são, respetivamente, José Simões, Delfina Fernandes, José Paulo Santos e João Luís Branco.

Além de José Henrique Matos, pela CDU, à Câmara de Mação concorre pelo PS o atual vereador Nuno Barreta, sendo Vasco Estrela, atual presidente, recandidato pelo PSD. O Chega apresenta José Janeiro como cabeça de lista e o CDS-PP concorre com Tiago Sá.

Nas últimas eleições autárquicas em Mação, o PSD elegeu quatro elementos para o executivo e o PS elegeu um vereador.

As eleições autárquicas estão agendadas para o próximo dia 26 de setembro.

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome