Autarcas de Mação em isolamento profilático após ação de sensibilização da GNR (c/AUDIO)

Medida surge após presença em ação de sensibilização promovida pela GNR em parceria com os municípios de Mação, Vila de Rei e Sertã, após teste positivo de covid-19 a Comandante da GNR da Sertã. Foto: CMVR

O concelho de Vila de Rei foi palco, na tarde de 3 de abril, de uma ação de sensibilização da GNR junto dos automobilistas que atravessavam a EN 2, tendo estado presentes autarcas dos Municípios de Vila de Rei, Mação e Sertã. Após confirmação do teste positivo a um militar presente nessa ação, foram colocados em quarentena profilática os representantes de município, autoridades e entidades locais, entre os quais Vasco Estrela, presidente da CM Mação, e Carlos Leitão, presidente da Junta de freguesia de Cardigos (Mação).

A situação foi confirmada na tarde desta segunda-feira, dia 6 de abril, por Vasco Estrela, que escreveu um comunicado direcionado à comunidade na sua página pessoal do Facebook, referindo ter entrado em isolamento.

Cumprindo as indicações recebidas e após me ir despedir da família, e trazer bens essenciais, iniciei este período de isolamento, esperando que seja tão breve quanto possível. Durante este tempo manterei, as minhas funções de Presidente com as necessárias adaptações fruto da distância física a que agora estou obrigado”, escreveu.

PUB

ÁUDIO: Vasco Estrela deu conta ao mediotejo.net do porquê desta sua quarentena obrigatória, demonstrando-se bem disposto e consciente do que tem pela frente nos próximos 14 dias, noutra casa e longe da sua família. Ainda assim diz que irá continuar aos comandos da Câmara Municipal e que levou “trabalho para casa”. Espera fazer teste de despiste ainda esta semana, e mostra-se agradado com a manutenção da situação epidemiológica no concelho de Mação: continua à data de hoje com zero casos confirmados e apenas 3 vigilâncias ativas.

 

Vasco Estrela refere que a atual situação surge “como consequência dos riscos inerentes à função que exerço e de quem assume sempre todas as responsabilidades a que está obrigado”,  esperando “que tudo corra pelo melhor e que em breve possa regressar para junto da minha família, para junto daqueles que diariamente trabalham para que tudo corra bem e para junto de todos vós”.

O autarca confirma que participaram na ação de sensibilização “outros presidentes de Câmara, de Junta de Freguesia, entre os quais o presidente Carlos Leitão, de Cardigos”.

Vasco Estrela refere ter sido informado sobre o facto de um militar no local “ter acusado positivo para a covid-19”, tendo sido contactado pelas autoridades de saúde “no sentido de entrar em isolamento profilático, pelo período de 14 dias, ou até fazer o respetivo teste e ter resultado compatível com o regresso à normalidade”.

Por seu turno, e na sequência do comunicado pelo autarca Vasco Estrela, também o presidente da Junta de freguesia de Cardigos, Carlos Leitão, confirmou na página de Facebook daquela freguesia a entrada em isolamento profilático após recomendação das autoridades de saúde por ter participado na iniciativa da GNR.

“Cumpre-me informar que, embora estando presente, mantive a distância prudencial aconselhada relativamente ao Sr. Comandante da GNR pelo que me parece não ter havido contaminação. Contudo, vou cumprir igualmente as instruções das autoridades de saúde com o objetivo de salvaguardar a minha saúde e a saúde pública, pelo que informo que também entrei hoje, em isolamento profilático”, escreveu Carlos Leitão.

Recorde-se que em causa está uma ação de sensibilização que a GNR promoveu na Estrada Nacional 2, em Vila de Rei, junto dos condutores da região, na sexta-feira, dia 3 de abril, cujo objetivo era “alertar os condutores que entram na região sobre os devidos comportamentos a adotar nesta fase de isolamento social e/ou sobre a necessidade de quarentena”, dado o alastrar da pandemia covid-19.

A GNR contou com parceria dos municípios de Vila de Rei, Mação e Sertã, bem como das juntas de Freguesia, equipas de Proteção Civil e de Bombeiros Voluntários destes três concelhos, e contou com representantes destas entidades, nomeadamente do presidente do município vilarregense, Ricardo Aires, lê-se em comunicado da CM Vila de Rei.

A ação foi realizada na entrada sul de Vila de Rei, por forma a alcançar “todos os veículos que chegavam a Vila de Rei pela entrada mais próxima da A23”. Segundo comunicado da autarquia de Vila de Rei, foi feita fiscalização das “devidas autorizações de circulação na via pública durante o Estado de Emergência” bem como sensibilização dos condutores “vindos de diferentes partes do país, que entravam na região para desfrutarem do fim-de-semana ou época Pascal. A todos foi dada a informação da obrigatoriedade de cumprir o prazo de 14 dias de quarentena durante a sua estadia”, pode ler-se.

Ricardo Aires, presidente da CM Vila de Rei, esteve presente na iniciativa e sublinha, no mesmo comunicado enviado ao mediotejo.net na passada semana, que se tratou de uma ação de “elevada importância naquilo que é a sensibilização para os comportamentos obrigatórios a ter nesta fase em que vivemos”.

O autarca reforçou ainda o lembrete “a todos os migrantes e imigrantes que cheguem a Vila de Rei” para que cumpram “obrigatoriamente” um período de 14 dias de isolamento/quarentena.

Notícia relacionada:

Covid-19 | Militar da GNR da Sertã em isolamento depois de teste positivo (C/AUDIO)

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here