Associação de Defesa do Património de Torres Novas apresenta projetos de trabalho

Esta segunda-feira, às 19:30, a Associação de Defesa do Património (ADP) de Torres Novas apresenta publicamente os objetivos e planos para o triénio 2016/2019 e o seu “Manifesto 2016”.

PUB

Em nota de imprensa, a associação refere que, “em noite de solstício, marca de mudanças, a ADP reúne-se num vazio urbano da Rua dos Ferreiros, no centro histórico de Torres Novas, e estende o convite a todos os amantes do Património e da Cultura para que se juntem a esta festa, para trocar ideias sobre estratégias de desenvolvimento urbano, património e reabilitação das cidades, num ambiente descontraído, ao final do dia, com música, comidas e bebidas”.

A Associação de Defesa do Património de Torres Novas (ADP) elegeu recentemente os novos corpos sociais para o triénio 2016/2019. Ana Sofia Ligeiro, geógrafa, é a presidente da direcção, que integra ainda Marco Liberato, Margarida Freire Moleiro, Vitória Duarte e Cátia Lopes de Freitas. Inês Jerónimo, Susana Gaspar e Pedro Duque constituem o conselho fiscal, enquanto Armanda Teixeira, João Assis e Romão Ramos garantem a mesa da assembleia geral. Na nova estrutura orgânica, a ADP tem agora um conselho consultivo, sem competências deliberativas, constituído por José Ribeiro Sineiro, João Bracons, Jorge Salgado Simões, Jorge Serra, João Carlos Lopes e Denis Hickel.

PUB

A nova direcção divulgou o “Manifesto 2016”, aquando da sua apresentação aos sócios, em que destacou a sua contribuição “para a protecção integrada dos patrimónios, material e imaterial, cultural e natural, assumindo-os como molde da identidade torrejana, mas também como força motriz do desenvolvimento equilibrado do concelho de Torres Novas”.

Os novos dirigentes reconhecem o meritório percurso cumprido no passado pela colectividade, reafirmando agora “a importância da produção de conhecimento sobre o território na construção de uma visão colectiva para o futuro de Torres Novas”. O manifesto assume ainda, para a ADP, o papel de “fórum de reflexão sobre as dinâmicas e as transformações do território torrejano, aberto à participação de todos.”

PUB

Em assembleia-geral ADP deliberou, por unanimidade, distinguir José Ribeiro Sineiro, fundador e dirigente, como presidente honorário da associação, em “reconhecimento da sua dedicação de mais de vinte anos à colectividade, mas também pelo seu destacado papel no renascimento cultural de Torres Novas nas últimas décadas do século XX”.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here