Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Outubro 17, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Artes Plásticas | Pintor Massimo Esposito cria “Love Art”, um curso online para contornar limitações da pandemia

O pintor italiano Massimo Esposito, radicado em Portugal há mais de 30 anos, encontrou nestes tempos de pandemia o incentivo que lhe faltava para criar um curso online de técnicas de desenho e pintura. A possibilidade de ter algum tipo de ensino virtual era algo que muitos alunos lhe vinham pedindo nos últimos anos, pois nem sempre os horários das aulas no seu atelier de pintura em Abrantes – e esporadicamente noutros locais da região – eram compatíveis com os afazeres escolares ou profissionais de quem gostaria de aprender com o “mestre” italiano.

- Publicidade -

Nasceu assim o curso “Love Art”, com todas as aulas online. “Amar a Arte” porque, como não se cansa de repetir aos seus alunos, “é sobretudo importante amar o que fazemos”.

Este “é um curso económico, que ensina técnicas básicas de Belas Artes e também alternativas que desenvolvi, com base nos meus 25 anos de experiência a dar aulas presenciais”, diz. “É uma boa opção para quem tem problemas de deslocação ou, neste período de distanciamento social, prefere não ter contactos”, explica o pintor.

- Publicidade -

O curso, refere Massimo, “tem ainda a grande vantagem de se poder frequentar quando queremos”, respeitando a disponibilidade e o ritmo de cada um.

Os interessados devem contactar o pintor através do email massimoesposito57@gmail.com.

Massimo Esposito nasceu em Ferrara, Itália, em 1957. Neto do restaurador do Museu de Capodimonte, em Napoli, e, mais tarde, do Museu Etrusco de Spina, em Ferrara, e filho de um professor de pintura, seguiu o percurso familiar e licenciou-se no Liceu Artístico de Ravenna, em 1975. Obteve o diploma de magistério em arte publicitária no Instituto de Arte de Urbino, em 1977, e fez cursos na Academia de Belas Artes, de Ravenna, de fotografia e cerâmica. Trabalhou em várias empresas italianas como desenhador publicitário e criador de logotipos.

Depois de alguns anos de aventuras pelo mundo, viajando pela Ásia e por África, acabou por escolher viver em Portugal. É membro da Sociedade Portuguesa de Belas Artes desde 1986 e fundou o laboratório de ensino de desenho e pintura Il Pittore Italiano, com sede em Abrantes.

Sou diretora do jornal mediotejo.net e da revista Ponto, e diretora editorial da Médio Tejo Edições / Origami Livros. Sou jornalista profissional desde 1995 e tenho a felicidade de ter corrido mundo a fazer o que mais gosto, testemunhando momentos cruciais da história mundial. Fui grande-repórter da revista Visão e algumas da reportagens que escrevi foram premiadas a nível nacional e internacional. Mas a maior recompensa desta profissão será sempre a promessa contida em cada texto: a possibilidade de questionar, inquietar, surpreender, emocionar e, quem sabe, fazer a diferença. Cresci no Tramagal, terra onde aprendi as primeiras letras e os valores da fraternidade e da liberdade. Mantenho-me apaixonada pelo processo de descoberta, investigação e escrita de uma boa história. Gosto de plantar árvores e flores, sou mãe a dobrar e escrevi quatro livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome