Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quarta-feira, Outubro 20, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Alcanena/Torres Novas | Faleceu Maria Adelaide Ferreira Rodrigues

O executivo municipal de Alcanena aprovou por unanimidade, seguido de minuto de silêncio, na reunião pública de segunda-feira, 5 de novembro, um voto de pesar pelo falecimento da cantora e poetiza alcanenense Maria Adelaide Ferreira Rodrigues.

Figura conhecida da vida cultural e associativa como “Maria Zabeleta”, Maria Adelaide Ferreira Rodrigues faleceu a 28 de outubro, aos 84 anos. Residente em Torres Novas mas natural de Alcanena, fez carreira como telefonista dos CTT.

A nível cultural foi cantora em vários grupos musicais, como o Choral Phydellius e a Orquestra Típica Scalabitana (Santarém), animando também festivais de música
da região, marchas populares, tendo ainda atuado como fadista. A par da música escrevia poesia, tendo publicado vários livros e colaborado com jornais como “O Alviela” e “O Almonda”.

No centenário de Alcanena, o município atribuiu-lhe a medalha de mérito, grau ouro – personalidade. “Atendendo ao importante legado, e em jeito de homenagem a uma mulher que tanto deu ao concelho de Alcanena, a Câmara Municipal de Alcanena promoveu a edição do livro «Não Abdico de Me Amar», obra que reuniu um conjunto de versos, sem rimas, mas com ritmo próprio, sendo o culminar de uma carreira como poetisa, cantora e artista”, refere o voto de pesar.

Após a aprovação do voto, fez-se um minuto de silêncio.

 

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome