Alcanena | Tarifas de Água e de Resíduos Urbanos vão manter-se em 2018

O executivo camarário de Alcanena deliberou, por unanimidade, manter o tarifário de àgua para 2018, com tarifas variáveis para famílias numerosas, IPSS, Social e autarquias. Também a taxa de recursos hídricos vai manter-se em 0,0012 euros por m3.
O vereador Hugo Santarém (PS) explicou, na reunião de 4 de dezembro, que existia um desiquilíbrio muito acentuado entre os custos do sistema e os dividendos retirados através da tarifa, tendo sido decidida fazer essa correcção através o Plano de Saneamento Financeiro. “Já fizemos essa aproximação o ano passado e este ano continuamos nesta linha da adequação entre o aquilo que são os custos e os proveitos”, disse.

PUB

“O custo do acesso ao serviço não deve ser superior a um indicador que é 0,5% do rendimento total das famílias, para haver uma boa taxa de acesso. Em 2016, este indicador rondava os  0,22% e, neste momento, com a proposta de tarifário que apresentamos fica em 0,35%, ainda abaixo daquilo que é o considerado como o limite para uma boa acessibilidade”, explicou.

Também a taxa de resíduos urbanos vai manter-se uma vez que tem sido possível adequar os custos aos proveitos, sendo que, em 2016, se registou uma poupança efectiva na ordem de 150 mil euros anuais. A vereadora Maria João Rodolfo, do movimento “Cidadãos por Alcanena” questionou se, com este descréscimo de custos, não era possível haver uma ligeira diminuição das tarifas para o consumidor doméstico. O vereador Hugo Santarém refere que os custos têm que ser iguais aos proveitos, sendo que há ainda um déficit de 200 mil euros a corrigir. “Com a receita que cobramos ainda não estamos a ganhar para o que gastamos”, explicou.

PUB

 

PUB
PUB
Elsa Ribeiro Gonçalves
Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).