Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Julho 31, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Alcanena: Sociedade Musical Mindense encerrou centenário com novos instrumentos

Uma tuba em dó e um fagote, instrumento que a Sociedade Musical Mindense não possuía, foram as ofertas do município de Alcanena àquela instituição, que encerrou no sábado, 22 de outubro, as celebrações do seu centenário.

- Publicidade -

A cerimónia contou com a participação da Banda do Sal, Ilha do Sal, Cabo Verde, que se deslocou a Portugal para este evento. Após o descerramento da placa no Coreto de Minde, seguiu-se uma arruada pela vila que juntou as Bandas da Sociedade Musical Midense e do Sal. Às 21h30o espetáculo continuou no Pavilhão Ana Sonça, em Minde, com Concerto de Encerramento do Centenário, pela Sociedade Musical Mindense, que contou ainda com a Banda de Antigos Músicos.

Ao mediotejo.net a presidente da Câmara, Fernanda Asseiceira, salientou um concerto “extraordinário”, que contou com a Banda do Sal “que veio propositadamente para este intercâmbio”. A Sociedade Musical Mindense “é uma banda importante para nós”, frisou a autarca, referindo a sua capacidade de atrair os mais jovens e até antigos músicos.

- Publicidade -

Na ocasião, o município entregou uma tuba em dó e um fagote à instituição, por forma a promover a continuação da qualidade deste grupo musical.

Há um ano o mediotejo.net fez uma reportagem que pretendeu recuperar a história desta Banda centenária. O texto e fotos tiradas nas vésperas da celebração do Centenário podem ser relembrados aqui.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome