Alcanena | Silvestre Pereira reeleito presidente da Assembleia Municipal

Com uma lista única a votação, o socialista Silvestre Pereira foi reeleito presidente da Assembleia Municipal de Alcanena com 26 votos a favor e dois votos em branco. No domingo, 15 de outubro, na primeira sessão da assembleia para o mandato 2017/2021, foram eleitos ainda para secretários da mesa Cristina Marques e Inácia Rodrigues.

PUB

Agradecendo a confiança em si depositada, Silvestre Pereira começou por recordar as palavras que proferira minutos antes aquando a tomada de posse dos órgãos municipais. “No mandato anterior a assembleia teve um comportamento exemplar”, salientou. “Conseguimos convergir e encontrar soluções para os problemas”, afirmou, esperando que esse consenso seja reencontrado neste novo mandato que se inicia. “Que nós não sejamos um bloqueio. Tudo farei para que sejamos um desbloqueador”, sublinhou, referindo ainda que todos os deputados serão tratados por igual.

Apenas uma lista foi votada para eleger a mesa da assembleia, com os nomes de Silvestre Pereira, Cristina Marques e Inácia Rodrigues. A votação resultou em 26 votos a favor e dois votos em branco.

PUB

No mandato 2017/2021, a Assembleia Municipal de Alcanena é constituída por 12 deputados do PS, sete do movimento Cidadãos por Alcanena (independentes apoiados pelo PSD, CDS e MPT) e dois da CDU.

PUB
PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).