Alcanena | Secretário de Estado da Juventude foi aos Olhos de Água celebrar Dia Internacional (c/áudio e vídeo)

Na quarta-feira, 12 de agosto, a praia fluvial dos Olhos de Água, no concelho de Alcanena, foi uma das 35 praias escolhidas a nível nacional para o Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ), em parceria com o Conselho Nacional de Juventude e a Federação Nacional das Associações Juvenis, realizar uma ação de sensibilização junto dos jovens sobre a sustentabilidade ambiental, com a recolha de lixo nas praias.

PUB

Uma dezena de jovens voluntários percorreram a praia, realizando inquéritos a outros jovens sobre questões ambientais, marcando assim o Dia Internacional da Juventude. Ao final do dia, o Secretário de Estado do Desporto e Juventude, João Paulo Rebelo, passou pelo local para felicitar o esforço da equipa.

Maria Mercês assumia o entusiasmo do grupo de jovens na ação de sensibilização na praia dos Olhos de Água. Presidente do IPDJ conversou com os jovens e procurou saber da recetividade da iniciativa Foto: mediotejo.net

PUB

Maria Mercês Sá Pires, 17 anos, foi uma das jovens voluntárias que passou a tarde a fazer inquéritos e a sensibilizar a sua geração para a sustentabilidade ambiental. Os inquéritos eram online, realizados mediante a disponibilização de um telemóvel. Lixo fora do sítio próprio praticamente não havia, pelo que não houve tanto foco nesse tema.

Entusiasta do voluntariado e com espírito de iniciativa, Maria Mercês não teve problemas em criar empatia e ir conversando com os jovens que se encontravam na praia. “Até me diziam que eu fazia perguntas a mais”, comenta rindo.

PUB

A jovem foi uma dos 10 adolescentes que realizou esta ação do IPDJ na praia fluvial dos Olhos de Água. Ao final do dia, o balanço era satisfatório e demonstrativo da preocupação ambiental. Miguel Carvalho, presidente da FAJUDIS – Federação das Associações Juvenis do Distrito de Santarém, salientou ao mediotejo.net a “enorme recetividade das famílias e também dos jovens que estão aqui na praia”.

“A atual juventude preocupa-se com o ambiente. Não é só uma preocupação de ideias, têm realmente os atos”, refletiu, evitando usar, por exemplo, as palhinhas e produtos, no geral, de plástico. “Nota-se uma maior consciencialização” também com os recursos hídricos, nomeadamente os rios no interior do país e a respetiva limpeza.

Presente na ocasião, o presidente do IPDJ, Vítor Pataco, explicou que o objetivo desta iniciativa, que reuniu mais de 700 jovens por todo o país, foi levar a mensagem da sustentabilidade através dos porta-vozes da juventude, eles próprios, no intuito de “alterar comportamentos”.

A ação foi “simbólica”, admitiu, reconhecendo que o “importante é passar a mensagem” entre uma geração que já incorporou na sua ação muitos destes valores.

Alcanena | Presidente do IPDJ visita praia fluvial dos Olhos de Água no Dia Internacional da Juventude

Publicado por mediotejo.net em Quarta-feira, 12 de agosto de 2020

João Paulo Rebelo surgiu já ao final do dia, vindo de uma ronda por outros pontos do país. O responsável agradeceu aos jovens participantes na ação e lembrou os objetivos inerentes à celebração do Dia Internacional da Juventude. Em 1999, através da Resolução 54/120, a Assembleia Geral das Nações Unidas endossou a recomendação feita pela Confederação Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, numa reunião que ocorreu em Lisboa em agosto 1998, de que 12 de agosto fosse declarado Dia da Juventude.

“São sempre infelizmente as gerações mais jovens os que são afetados por estas crises”, constatou o governante, lembrando os constrangimentos causados pela pandemia de Covid-19. Por isso é tão importante a “juventude verde” e a “sustentabilidade do planeta”, defendeu João Paulo Rebelo, sendo os jovens os mais sensíveis ao tema da sustentabilidade ambiental do planeta.

O Secretário de Estado terminou a apelar à participação cívica dos adolescentes.

Uma dezena de voluntários distribuiu inquéritos de sensibilização à sustentabilidade Foto: mediotejo.net

PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).