Segunda-feira, Dezembro 6, 2021

Alcanena | Rui Anastácio tomou posse para “em conjunto fazer um grande trabalho” (C/Áudio)

“Contamos com todos, sem exceção” e “tenho a certeza que iremos fazer, em conjunto, um grande trabalho”, garantiu Rui Anastácio (Cidadãos por Alcanena), recém-empossado presidente da Câmara de Alcanena na cerimónia de instalação dos órgãos autárquicos para o quadriénio 2021-2025.

- Publicidade -

Foi num repleto Cine-Teatro São Pedro que os eleitos para a Câmara Municipal e Assembleia Municipal de Alcanena foram empossados, na cerimónia que decorreu durante a tarde de sábado, dia 16 de outubro.

Tendo a coligação Cidadãos por Alcanena (PSD-CDS-MPT) destronado o Partido Socialista, que governou o município alcanenense por 12 anos, o recém-eleito Rui Anastácio sublinhou a necessidade de um trabalho em conjunto em prol do bem comum, onde não se façam distinções pelas simpatias ideológicas de cada um. 

- Publicidade -

Perdendo dois eleitos face aos cinco de 2017, o Partido Socialista viu a direção da Câmara Municipal de Alcanena mudar para a coligação Cidadãos por Alcanena que conseguiu eleger 4 mandatos. O recém-empossado presidente do município, Rui Anastácio, iniciou o seu discurso agradecendo aos sete membros do executivo e a todos os autarcas que terminam o seu mandato, com a “certeza que deram o seu melhor em prol do desenvolvimento do concelho”, deixando uma palavra de apreço e consideração em especial a Fernanda Asseiceira, presidente socialista que esteve à frente do concelho por 12 anos. 

O Cine-Teatro São Pedro encheu-se para a cerimónia da tomada de posse dos novos órgãos autárquicos. Créditos: mediotejo.net

“Não nos interessam as simpatias ideológicas de cada um, é um assunto a que cada um diz respeito, o nosso critério de recrutamento e progressão será só um, competência demonstrada, só isso nos interessa”, garantiu Rui Anastácio, deixando ainda uma palavra de compromisso e total disponibilidade aos “colegas autarcas, a todos sem exceção”, para um trabalho em conjunto na defesa do bem comum.

Mostrando não ter dúvidas quanto a uma exigente e independente Assembleia Municipal – a qual será agora presidida por Tereza Cadete Sampainho (Cidadãos por Alcanena) – Rui Anastácio afirmou que o executivo tudo fará para estar à altura dessa exigência, acrescentando: “sei que em todas as bancadas temos pessoas de muita qualidade, com pensamento próprio e sentido crítico. Esse facto pode ser menos confortável para o presidente de Câmara, mas no final, quem ficará a ganhar será o concelho, e é isso que todos nós queremos”.

ÁUDIO | Discurso de Rui Anastácio, presidente CM Alcanena

Aos presidentes de junta, Rui Anastácio disse que está ao seu serviço, assim como os seus vereadores, referindo que não interessa em que lista foram eleitos e que “merecem todos, de forma igual, o nosso respeito e consideração”.

Garantindo que os vereadores terão autonomia de decisão nas suas áreas, Rui Anastácio deu já a conhecer os campos a que cada um se dedicará. A si próprio caberá especial preocupação com os projetos estruturantes, as grandes obras, urbanismo, economia, proteção civil e turismo, enquanto o vice-presidente Alexandre Pires, ficará incumbido com a gestão de recursos humanos e uma especial atenção com as juntas de freguesia e algumas pequenas obras. Já à vereadora Marlene Carvalho caberá toda a área social e cultural, e ao vereador Nuno Silva a gestão financeira e uma especial preocupação e dedicação às questões do ambiente e qualidade de vida, bem como a modernização e certificação dos serviços da autarquia. 

Rui Anastácio (Cidadãos por Alcanena) é o novo presidente da Câmara Municipal de Alcanena, após 12 anos de governação socialista. Créditos: mediotejo.net

“O presidente não vai estar em todo o lado, porque quem quer estar em todo o lado, não está em lado nenhum”, disse Rui Anastácio, referindo os “grandes desafios” pela frente e o conjunto de “projetos entusiasmantes” em mãos, “aos quais daremos o melhor de nós”, deixando a promessa: “Prometemos acima de tudo, trabalho e capacidade de ouvir e decidir. Certamente cometeremos erros e não vamos conseguir resolver tudo de uma só vez, mas seremos sempre norteados pelo bem comum e pelo sentido de missão”.

Para cumprir o desejo de um território “diferenciador e competitivo”, Rui Anastácio garantiu que “contamos com todos, independentemente das suas convicções ideológicas que sempre saberemos respeitar” e diz esperar exigência dos munícipes, para a qual o executivo demonstrará estar preparado.

Na parte final do discurso, também às coletividades e forças vivas do concelho foi dada a garantia de todas elas, sem exceção, serem tratadas com total transparência e critérios claros, no que à distribuição do dinheiro diz respeito.

A Assembleia Municipal de Alcanena para os próximos quatro anos conta com 11 eleitos da coligação Cidadãos por Alcanena, nove do PS e um da CDU.

ELEITOS PARA OS ÓRGÃOS AUTÁRQUICOS EM ALCANENA

Câmara Municipal: Rui Anastácio (Cidadãos por Alcanena), Hugo Santarém (PS), Alexandre Pires (Cidadãos por Alcanena), José Ramos (PS), Marlene Carvalho (Cidadãos por Alcanena), Luís Pires (PS), Nuno Silva (Cidadãos por Alcanena).

Assembleia Municipal: Tereza Cadete Sampainho (Cidadãos por Alcanena), Silvestre Pereira (PS), Duarte Fonseca (Cidadãos por Alcanena), Carmo Baptista (PS), Nuno Marques (Cidadãos por Alcanena), Tiago Neves (PS), Isabel Luís (Cidadãos por Alcanena), Patrícia Anacleto (PS), António Duque (Cidadãos por Alcanena), Carla Pereira (CDU), Hugo Santos (Cidadãos por Alcanena), Bruno Santos (PS), Ana Fresco (Cidadãos por Alcanena), Inácia Rodrigues (PS), Rafaela Venda (Cidadãos por Alcanena), Manuel Brites (PS), Maria Margarida Pessegueiro (PS), Vanessa Bernardo (Cidadãos por Alcanena), Maria Judite Carvalho (Cidadãos por Alcanena), Luís Cândido (PS).

Presidente da Junta de Freguesia de Alcanena e Vila Moreira, António Silva (PS)

Presidente da Junta de Freguesia de Bugalhos, Luís Salgueiro (PS)

Presidente da Junta de Freguesia de Malhou, Louriceira e Espinheiro, Edgar Pereira (Cidadãos por Alcanena)

Presidente da Junta de Freguesia de Minde, Joaquina Ramalho (Cidadãos por Alcanena)

Presidente da Junta de Freguesia de Moitas Venda, Álvaro Gonçalves (PS)

Presidente da Junta de Freguesia de Monsanto, Samuel Frazão (PS)

Presidente da Junta de Freguesia de Serra de Santo António, Eurico Justo (Cidadãos Por Alcanena)

Licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior. Natural de Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, mas com raízes e ligações beirãs, adora a escrita e o jornalismo. Ávido leitor, não dispensa no entanto um bom filme e um bom serão na companhia dos amigos.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome