Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Setembro 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Alcanena: Requalificação da EN361 teve que ser revista

O grupo parlamentar do PS do círculo de Santarém enviou um pedido de esclarecimento ao Governo sobre a reparação da Estrada Nacional (EN) 361, nomeadamente o troço entre Amiais de Baixo e Alcanena, fortemente degradado.

- Publicidade -

A resposta encaminhada pelo Ministro do Planeamento e das Infraestruturas dá conta que o projeto teve que sofrer alterações e está a ser revisto, devendo encaminhar-se no fim de julho para a avaliação do impacto ambiental. A obra continua prevista para 2017.

O texto refere que “encontra-se prevista a reabitação da Estrada Nacional 361 no troço entre Amiais de Baixo e Alcanena no ano de 2017, conforme plano de proximidade das Infraestruturas de Portugal.

- Publicidade -

Todavia, foram introduzidas modificações ao Projeto Inicial de Beneficiação, facto que alterou a data prevista para a sua conclusão. Informa-se ainda que o Projeto encontra-se em fase de revisão e que no final do mês de julho o mesmo deverá estar em condições de ser submetido a procedimento de Avaliação de Impacto Ambiental, uma vez que a beneficiação desta estrada interfere com território abrangido pela Rede Natura”.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

3 COMENTÁRIOS

  1. Esta notícia merece mesmo ser comentada.
    1 – O troço não é entre Amiais de Baixo, mas sim entre AMIAIS DE CIMA e Alcanena;
    2- Diz a notícia que o projecto teve que sofrer alterações e está a ser revisto. Esta informação carece de fundamentação explícita já que a recuperação deste troço da ER 361 anda pelos gabinetes desde há mais de 20 anos. Portanto o tempo não tem faltado;
    3 – Esta estrada regional tem pouco mais de 38 Kms sendo que o troço entre Rio Maior e Alcanede foi recuperado há perto de 20 anos. O troço entre Alcanede e Amiais de Cima, cerca de 10 Kms, foi recuperado há 4 anos depois de muito trabalho do Movimento Cívico criado em Alcanede para a Reabilitação da Estrada. Depois, desde Amiais de Cima até Alcanena, é o que se vê. E quem tiver dúvidas o melhor é passar por lá.
    E por estranho que possa parecer, ou talvez não, nos últimos dias têm vindo a ser tapados alguns buracos já dentro do concelho de Alcanena, mas não era isso que se precisa. O que faz falta é a obra propriamente dita. E já não é sem tempo.
    É possível que desta vez a obra venha a avançar, até porque o que está em causa, para além de qualquer birra incompreensível, são meia dúzia de quilómetros onde não há obras de arte a construir mas tão-somente requalificar o troço e fazerem-se dois cortes em curvas. Mas até lá, dando o benefício da dúvida, vamos aguardar para ver.

    • Caro Carlos Pinheiro, os documentos oficiais consultados pelo mediotejo.net referem sempre “Amiais de Baixo”. A informação de que o troço está a ser revisto também não carece de fundamento: é a resposta oficial do Ministro do Planeamento e das Infraestruturas.

  2. Meus Caros

    Ambos tem razão. A estrada está recuperada até à zona da Quinta da Arroteia, esta propriedade fica na “fronteira” da freguesia de Amiais de Baixo/Louriceira.
    Amiais de Cima fica na freguesia Abrã e ai a estrada já está recupera.

    JA

Responder a carlos pinheiro Cancelar resposta

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome