Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Setembro 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Alcanena | MédioTejo21 celebra 8 anos com cartão de benefícios em produtos sustentáveis

A MédioTejo21 – Agência Regional de Energia e Ambiente do Médio Tejo e Pinhal Interior Sul celebrou na segunda-feira, 29 de maio, os oito anos da sua formação, com uma conferência sobre “Sustentabilidade Empresarial Regional” no CTIC – Centro Tecnológico das Indústrias do Couro, em Alcanena. Na ocasião foi assinado um protocolo com o CTIC destinado ao desenvolvimento de formação na área da eficiência energética e apresentado um cartão MédioTejo21, que oferece benefícios na aquisição de serviços e produtos ligados à sustentabilidade.

- Publicidade -

Em representação do conselho de administração da MédioTejo21, a presidente da Câmara de Tomar, Anabela Freitas, lembrou que apesar das muitas campanhas levadas a cabo pela agência ao longo dos anos na área da sustentabilidade, muitas vezes só mediante casos de sucesso é que as empresas decidem investir. A responsável falava no âmbito do lançamento do cartão MédioTejo21, esperando que com os benefícios e descontos que este propicia as empresas e os municípios possam apostar mais na eficiência energética.

“Durante muitos anos projetaram-se os equipamentos sem ter em linha de conta a sua manutenção e a sua sustentabilidade”, comentou, dando como exemplo o edifício da Câmara de Tomar, que está classificado. A autarca elogiava assim o trabalho da MédioTejo21, que tem ajudado os seus associados na elaboração das candidaturas a projetos de sustentabilidade.

- Publicidade -

 

Presente na ocasião, o vereador da Câmara de Alcanena, Hugo Santarém, agradeceu o ter-se escolhido o município e o CTIC para realizar a conferência e o aniversário da agência. Salientou assim o apoio dado pela instituição em termos de eficiência energética, uma vez que “são fundos importantes a que nos temos procurado candidatar”. “Temos feito todas as candidaturas que são possíveis no âmbito da eficiência energética”, tendo algumas já sido implementadas a nível dos edifícios de piscinas e pavilhões. Recordava assim o pacto do autarcas, em que os vários municípios inseridos na MédioTejo21 se comprometeram em reduzir em 20% a emissão de gases.

Segundo explicou Mónica Martins, da direção técnica da MédioTejo21, o protocolo assinado com o CTIC na segunda-feira destina-se a prestar formação na área da eficiência energética. “Queremos dar às empresas parceiras esta formação”, explicou.

Já o cartão MédioTejo21 é um “mecanismo desenvolvido no final de 2016 que pretende dinamizar” as empresas locais. “Queremos que as empresas da região se associem a este cartão, que dá benefícios na aquisição de produtos e serviços” relacionados com a sustentabilidade e combustíveis. Com esta medida a agência vai procurar perceber também quais os serviços mais requeridos pelas empresas, sendo que o cartão também está acessível para o setor doméstico.

 

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome