- Publicidade -

Alcanena | Famílias com crianças e bebés receberam apoios e cabazes municipais

A Câmara de Alcanena distribuiu entre janeiro e fevereiro 14 cabazes ‘Infância Feliz’ a agregados familiares carenciados com crianças até três anos de idade, e mais sete cabazes “Bebé Feliz”, referentes ao apoio do município à natalidade. Seis meninas e um menino receberam bens diversos num montante total de 500 euros.

- Publicidade -

Segundo nota de imprensa municipal, a entrega foi efetuada individualmente, aplicando o Plano de Contingência Municipal, sem contactos físicos e no domicílio de cada agregado familiar, sempre que possível, tendo em conta a atual situação de pandemia. Os bebés pertencem à união de Alcanena e Vila Moreira e à freguesia de Bugalhos.

Desde o início deste projeto, já foram entregues 384 Cabazes Bebé Feliz, a 201 bebés do género feminino e a 183 do género masculino.

- Publicidade -

O Cabaz “Bebé Feliz” destina-se a todos os recém-nascidos do concelho de Alcanena, cujos agregados familiares residam no concelho, sendo constituído por roupa, calçado, brinquedos, artigos básicos de higiene e vacinas, podendo, quando necessário, ser também composto por equipamentos para a criança, no valor aproximado, por Cabaz, de 500 euros.

Para mais informações deve-se contactar o município de Alcanena.

Foto: CM Alcanena

O município de Alcanena promoveu no final de fevereiro a primeira entrega de 2021 do cabaz “Infância Feliz”, que se destina a auxiliar crianças até aos três anos que vivam com famílias com acentuada carência económica. A entrega contemplou 14 agregados familiares, designadamente seis meninos e oito meninas.

Segundo informação municipal, 10 das crianças tiveram um apoio no valor de 200 euros que corresponde ao escalão A, e quatro crianças tiveram apoio no valor de 150 euros, que corresponde ao escalão B, perfazendo um total de 2.600 euros de apoio municipal, totalmente em géneros.

Neste primeiro trimestre, a maioria das crianças apoiadas têm idades compreendidas entre os 30 e os 36 meses. As freguesias com maior incidência são a freguesia de Minde e a união das freguesias de Alcanena e Vila Moreira.

A primeira entrega de 2021 foi efetuada individualmente, aplicando o plano de contingência municipal, sem contactos físicos e no domicílio de cada agregado familiar, tendo em conta a situação pandémica que se vive no país, informa o município

Para mais informações e/ou acesso a este programa, deve-se contactar a Câmara Municipal de Alcanena.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).