- Publicidade -

Alcanena | Dia da Proteção Civil assinalado com Jorge Gomes e alunos do concelho

O Dia Internacional da Proteção Civil foi assinalado em Alcanena esta sexta-feira, dia 3, com a presença do Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes. O Cine-Teatro São Pedro recebeu os alunos do concelho, aos quais se juntaram representantes da Proteção Civil e outras entidades públicas durante uma sessão pública, seguida pela inauguração de um novo veículo urbano de combate a incêndios.

- Publicidade -

As comemorações do Dia Internacional da Proteção Civil tiveram lugar em Alcanena esta sexta-feira, num dia em que a chuva reduziu as iniciativas do programa à sessão pública dedicada à “Missão dos Agentes de Proteção Civil” com a presença do Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, e à inauguração de um veículo urbano de combate a incêndios (VUCI) dos Bombeiros Municipais de Alcanena.

Mário Silvrestre, Jorge Frazão e Sérgio Henriques. Fotos: mediotejo.net

- Publicidade -

A data é celebrada no dia 1 de março, mas foi assinalada esta sexta-feira com o objetivo de envolver a comunidade escolar do concelho, que encheu o auditório do Cine-Teatro São Pedro juntamente com diversos representantes da Proteção Civil e outras entidades públicas.

A sessão pública incluiu os discursos da presidente da Câmara Municipal, Fernanda Asseiceira, e dos comandantes das duas corporações de bombeiros do concelho, Jorge Frazão, dos Bombeiros Municipais de Alcanena, e Sérgio Henriques, dos Bombeiros Voluntários de Minde.

Irina Pinto, sargento-ajudante Teixeira, Sancho Dias e Mário Salcedas. Fotos: mediotejo.net

Mário Silvestre, responsável pelo comando distrital, falou sobre as diversas vertentes da Proteção Civil e destacou o papel individual de cada cidadão para que se concretize uma “cultura de segurança”. O comandante dirigiu-se aos alunos destacando o lema “a Proteção Civil somos todos nós” e apelando “são vocês que podem fazer a diferença”.

A GNR foi apresentada pela comandante do destacamento da GNR de Torres Novas, capitã Irina Pinto, e o sargento-ajudante Teixeira, do GIPS – Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro, seguindo-se a emergência médica, que foi explicada aos presentes pelo subchefe dos Bombeiros Municipais de Alcanena, Sancho Dias. O processo de desencarceramento foi o tema da apresentação de Mário Salcedas, chefe dos Bombeiros Voluntários de Minde.

Jorge Gomes e Fernanda Asseiceira. Fotos: mediotejo.net

O Secretário de Estado da Administração Interna encerrou a cerimónia oficial enaltecendo o investimento municipal realizado na área da Proteção Civil e a necessidade da coordenação de esforços para que os objetivos sejam cumpridos. Jorge Gomes referiu a apresentação da Estratégia Nacional de Proteção Civil Preventiva na passada quinta-feira, assim como o novo enquadramento legal da descentralização de competências para os municípios e as freguesias.

A aprovação do diploma inclui, entre outros, a aprovação dos planos municipais de emergência e proteção civil, o apoio às equipas de intervenção permanente das associações humanitárias dos bombeiros voluntários e a gestão do sistema de videovigilância. As freguesias passam a integrar a Comissão Municipal de Proteção Civil e podem constituir unidades locais presididas pelo presidente de junta.

Inauguração do veículo urbano de combate a incêndios (VUCI). Fotos: mediotejo.net

Antes de seguir para a inauguração do novo veículo urbano de combate a incêndios (VUCI), na Praça 8 de Maio, Jorge Gomes anunciou ainda a futura implementação de um conjunto de medidas, nomeadamente o cartão social do bombeiro e a revisão do estatuto dos bombeiros profissionais. A sua visita a Alcanena terminou com a assinatura do Livro de Honra do município no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).