Alcanena | Ciência Viva desafia a percorrer a Serra de bicicleta

Foto: D.R.

O Centro de Ciência Viva do Alviela celebra a 4 de fevereiro o Dia Mundial das Zonas Húmidas, com um passeio de bicicleta pelo Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros. A partida decorre às 9h00 nos Olhos de Água e tem um percurso de 18 quilómetros.

PUB

“Sabia que o Polje de Mira-Minde e as nascentes associadas (Sítio Ramsar 1616) são Zonas Húmidas de importância internacional? Em 2018, a comemoração do Dia Mundial das Zonas Húmidas tem como tema Wetlands for a Sustainable Urban Future, pelo que iremos realizar um passeio interpretativo de bicicleta, desde a nascente do Alviela até ao Polje de Mira-Minde, incentivando a prática de hábitos de vida saudável e dando a conhecer a importância das Zonas Húmidas”, refere a informação do Cento de Ciência Viva.

As inscrições decorrem até 31 de janeiro, para um limite máximo de 30 participantes. O grau de dificuldade é moderado, pelo que podem participar interessados a partir dos 14 anos (desde que acompanhados pelos encarregados de educação ou similar). A taxa de inscrição são três euros.

PUB

A inscrição inclui apoio logístico e técnico; complemento alimentar na zona destinada para o efeito; disponibilidade de utilização dos balneários no local de chegada; transporte de regresso ao Centro Ciência Viva do Alviela para participantes e respetivas bicicletas.

Uma atividade em parceria com a Câmara Municipal de Alcanena e o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here