Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Agosto 5, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Alcanena: Aumentam pedidos de apoio de estudantes universitários

No ano letivo de 2015/2016, 79 estudantes do ensino superior que residem em Alcanena pediram a “bolsa” que o município atribui a jovens que, entre outros critérios, possuem baixos rendimentos. Mais 20 que no ano letivo anterior, que vão ter também um aumento no valor mensal do subsídio atribuído. Quem usufruir do escalão A pode chegar a receber quase o valor total de um ano de propinas.

Há vários critérios para aceder a esta “bolsa” da Câmara de Alcanena – consoante os rendimentos familiares ou o aproveitamento escolar – conforme explicou ao mediotejo.net o vereador Hugo Santarém. Este ano, o apoio municipal a estudantes do ensino superior foi recusado a três estudantes por não cumprirem alguns destes pré-requisitos. Os valores aos restantes 76 são mensais, equivalentes a oito meses.

O novo escalonamento foi aprovado por unanimidade na reunião camarária de 15 de fevereiro, com ausência da votação da vice-presidente Maria João Gomez por interesses familiares no tema. Foi aceite pela vereação um aumento nos escalões: escalão A passou de 75 para 100 euros; escalão B passou de 57,5 para 75 euros; escalão C passou de 45 para 50 euros.

Hugo Santarém não soube especificar ao mediotejo.net se estes apoios se destinam apenas a licenciaturas se a todos os ciclos do ensino superior.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome