Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Julho 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Alcanena: Assinada geminação com Santa Croce Sull’Arno

O município de Alcanena assinou a 15 de julho o acordo de geminação com o município italiano de Santa Croce Sull’Arno. Os municípios partilham em comum a indústria de curtumes.

- Publicidade -

Santa Croce Sull’Arno situa-se na província de Pisa, na Toscana, e tem cerca de 14 mil habitantes e uma área de 16,99 km2. É um dos principais pólos italianos do setor dos curtumes.

“As relações encetadas entre os dois Municípios no início da década de 90, com intercâmbios a vários níveis, no reconhecimento da necessidade de reforço de trocas de experiências, considerando os desafios comuns que se colocam a ambos, criando laços de aproximação e estabelecendo um sentimento vivo de fraternidade europeia, levaram à aprovação da geminação de Alcanena com Santa Croce Sull’Amo, pela Assembleia Municipal de Alcanena, na sessão extraordinária de 16 de novembro de 1990; O presente Juramento de Geminação, foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal de Alcanena, na Reunião de Câmara realizada a 3 de agosto de 2015, através da Proposta N.º 33/P/2015”, refere informação do município.

- Publicidade -

“A colaboração entre os dois Municípios potenciará a realização de novos projetos, de âmbito europeu, possibilitando o acesso a importantes eixos de desenvolvimento nas mais diversas áreas, com evidentes benefícios ambientais, económicos, culturais ou sociais para os territórios e para as pessoas. Os contatos recentes estabelecidos entre os dois municípios, que se traduziram na demonstração da vontade mútua na assinatura de um juramento de Geminação, representam um compromisso formal de manutenção de laços permanentes, no diálogo, intercâmbio de experiências, implementação de ações conjuntas suscetíveis de enriquecimento mútuo em todos os domínios relevantes das competências das autarquias”, termina.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here