PUB

Alcanena | Assembleia Municipal aprova estatutos da RSTJ

A assembleia municipal de Alcanena aprovou na sexta-feira, 27 de abril, por maioria, os estatutos da RSTJ, empresa intermunicipal que vai substituir a Resitejo. O município estava a aguardar um parecer da entidade fiscalizadora, a ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos, que, segundo avançou a presidente da Câmara, Fernanda Asseiceira (PS), foi positivo.

Segundo Fernanda Asseiceira, a ERSAR apenas deu indicações para melhorias no contrato de gestão delegada, não se tendo pronunciado sobre os estatutos. O tópico gerou algum debate da parte da CDU, com Ivo Santos a apontar, entre outras observações, que a situação financeira da atual Resitejo não é clara e que serão permitidas muitas atividades que não estavam previstas inicialmente na RSTJ.

A presidente da Câmara afirmaria que ainda não estão definidos os serviços da gestão delegada.

A CDU acabaria por votar contra, defendendo em declaração de voto sistemas de recolha em baixa. O tópico teve votos a favor do PS e dos Cidadãos por Alcanena.

Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).