PUB

Alcanena | Acesso condicionado ao Mercado Municipal, com uso de máscara obrigatório

O acesso ao Mercado Municipal de Alcanena passa a ter que cumprir um conjunto mais apertado de regras de ocupação, permanência e higiene. O uso de máscara é agora obrigatório, pelos vendedores do mercado e lojas e todos os utilizadores e clientes.

PUB

Além do uso de máscara, a Câmara de Alcanena reforça a necessidade de ser salvaguardado o distanciamento físico/social de dois metros entre as pessoas, redobrando-se os cuidados com a higienização pessoal e dos espaços de venda e a colocação de dispensadores com solução à base de álcool gel, para utilização dos clientes.

A ocupação máxima é de uma pessoa por cada 2 m2 de área (não inclui vendedores nem trabalhadores do município, em exercício de funções); só será possível permanecer no espaço do mercado pelo tempo estritamente necessário à aquisição dos bens, preferencialmente sozinho; e nas lojas do mercado não são permitidas situações de espera para atendimento no interior dos estabelecimentos.

PUB

Não devem haver cumprimentos com abraço, aperto de mão ou beijo.

A prestação do serviço e o transporte de produtos devem ser efetuados mediante o respeito das necessárias regras de higiene definidas pela Direção-Geral da Saúde. Os vendedores devem promover a limpeza e desinfeção diárias e periódicas dos espaços, equipamentos, objetos e superfícies, com as quais haja um contacto intenso.

A Câmara Municipal de Alcanena assegura a disponibilização de soluções líquidas de base alcoólica nas entradas e saídas do Mercado, devendo os vendedores assegurar a disponibilização dessas soluções dentro das respetivas lojas e em cada banca ocupada, em localizações adequadas para a desinfeção, de acordo com a organização de cada espaço.

Segundo regulamento municipal, com data de 6 de fevereiro de 2020, os mercados municipais (bancas) do concelho de Alcanena podem funcionar às terças, quartas e sextas-feiras e sábados, entre as 07h00 e as 14h00. Atualmente o mercado encontra-se a funcionar na Rua José Afonso, uma vez que o edifício se encontra em obras.

PUB
PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).